Folia

Arrastão do Frevo encerra Carnaval do Recife no Marco Zero

Maestro Spok comandou a orquestra que circulou pelo bairro. Calungas gigantes de Olinda participaram da festa no centro do Recife.

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 18/02/2015 às 8:23
Leitura:

Após de uma maratona de shows que se estendeu pela madrugada, o Bairro do Recife se despediu do carnaval no início da manhã desta quarta-feira (18) com o tradicional Arrastão do Frevo. Com o encerramento da apresentação da orquestra gigante regida pelo Maestro Spok, os músicos desceram do palco e conduziram um desfile de alegria e frevo pelas ruas do bairro histórico. O arrastão contou com as presenças ilustres do Homem da Meia-Noite, Seu Malaquias e Tadeu no Frevo, conhecidos calungas gigantes de Olinda.

Com saída prevista para às 5h da Quarta-Feira de Cinzas, as centenas de foliões que resistiram aos quatro dias de folia só tomaram as ruas por volta das 6h15. Primeiro pela Avenida Marquês de Olinda, depois pela Maria César, Rua da Guia, Praça do Arsenal da Marinha, Rua do Bom Jesus, Avenida Rio Branco e Marco Zero de novo. Assim, os brincantes se despediram do Carnaval com um 'até ano quem'.

Enquanto os foliões mais resistentes deixavam a praça, depois do arrastão de frevo que marcou o encerramento da folia no Recife, os garis tomam conta do Marco Zero. Eles trabalham para deixar o local limpo e também brincam o seu Carnaval ao som do ritmo pernambucano.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias