Números

Olinda recebe quase 3 milhões de pessoas durante o Carnaval

De acordo com a Prefeitura, mais R$ 180 milhões foram movimentados na economia da cidade durante os festejos

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 18/02/2015 às 17:44
Foto: Edmar Melo / JC Imagem
De acordo com a Prefeitura, mais R$ 180 milhões foram movimentados na economia da cidade durante os festejos - FOTO: Foto: Edmar Melo / JC Imagem
Leitura:

No ano de 2015, a cidade de Olinda recebeu 2,8 milhões de foliões durante o Carnaval. No total, foram injetados mais de R$ 180 milhões na economia da cidade e a rede hoteleira da cidade alcançou 98% de vagas ocupadas durante as festas. As informações são da Prefeitura de Olinda. 

Não foi registrado nenhum dano ao patrimônio público durante os quatro dias de Carnaval. Com nove polos espalhados pela cidade, cerca de 110 atrações movimentaram as ladeiras. Além disso, 15 mil crianças também tiveram o seu polo, que ficou localizado na Praça do Carmo. As crianças se divertiram com oficinas de dança popular, artes e percussão.

Ainda de acordo com a Prefeitura de Olinda, cem bonecos gigantes criados pelo artista plástico Silvio Botelho passearam pelas ladeiras de Olinda e homenagearam o Maestro Spok, que também se apresentou na cidade. A Guarda Municipal anunciou que 1600 documentos foram encontrados na cidade. A Prefeitura também fez uma pesquisa pra saber o nível de satisfação dos cidadãos que visitaram a cidade. 51,40% dos entrevistados consideraram o Carnaval boa, enquanto 42,40% disseram que foi ótima. 71 pessoas foram detidas por urinarem nas ruas. Além disso, 70 veículos foram multados por transitar na contramão e sete foram recolhidos para a sede do Detran/PE

Também houve uma fiscalização contra o barulho excessivo na cidade durante as festas. No total, a equipe, composta por procuradores, assessores, jurídicos, com apoio da Polícia Militar, registraram 16 denúncias, com 3 multas lavrados e 1 som mecânico foi apreendido por descumprimento da lei municipal.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias