eua

Policial de Ferguson diz que não queria matar

Darren Wilson declarou que seguiu seu treinamento quando atirou contra um adolescente negro desarmado

Karol Albuquerque
Karol Albuquerque
Publicado em 26/11/2014 às 18:46
Foto: AFP
Darren Wilson declarou que seguiu seu treinamento quando atirou contra um adolescente negro desarmado - FOTO: Foto: AFP
Leitura:

O policial Darren Wilson, de Ferguson, disse que "nunca quis tirar a vida de ninguém" e sente muito pela morte de Michael Brown. 

Wilson declarou, em entrevista ao programa "Good Morning America", da rede ABC, que foi ao ar nesta quarta-feira (26), que seguiu seu treinamento quando atirou contra um adolescente negro desarmado. Durante o confronto com o jovem, ele afirmou que "a única emoção que senti foi medo e então era uma questão de sobrevivência e treinamento".

Wilson disse que só disparou contra Brown quando o adolescente estava de frente para ele e não quando ele virou de costas. Ele disse que viu no adolescente um alto nível de agressão e fúria que era "quase insondável". 

Wilson diz que entende a raiva dos pais de Wilson porque eles estão sofrendo a perda do filho. E declarou, "sinto muito que seu filho tenha perdido a vida".

Últimas notícias