rússia

Chefe da diplomacia europeia pede 'mudança radical' a Putin

Federica Mogherini disse que a difícil situação financeira russa também é ruim para a Ucrânia, UE e o resto do mundo

Da AFP
Da AFP
Publicado em 18/12/2014 às 15:28
Foto: AFP
Federica Mogherini disse que a difícil situação financeira russa também é ruim para a Ucrânia, UE e o resto do mundo - FOTO: Foto: AFP
Leitura:

A chefe da diplomacia da União Europeia, Federica Mogherini, convocou nesta quinta-feira (18) o presidente russo, Vladimir Putin, a realizar uma "mudança radical em sua atitude em relação ao resto do mundo".

Putin "deve refletir seriamente sobre a necessidade de introduzir uma mudança radical em sua atitude", estimou Mogherini ao chegar a uma cúpula de chefes de Estado e de governo da UE na qual os presidentes debaterão qual estratégia adotar diante da Rússia.

Mogherini acrescentou que a "situação financeira difícil" atravessada pela Rússia, parcialmente imputada por Putin aos efeitos das sanções ocidentais contra Moscou, "não são boas notícias para os russos", mas também não "para a Ucrânia, nem para a UE e o resto do mundo".

Sobre a Ucrânia, Mogherini indicou "que é hora de todas as partes, Rússia em primeiro lugar, aplicarem os acordos de Minsk", que preveem uma solução política para a crise.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias