Terrorismo

Triplo atentado do Estado Islâmico deixa mais de 30 mortos na Líbia

A facção líbia do grupo Estado Islâmico reivindicou o atentado realizado

Da AFP
Da AFP
Publicado em 20/02/2015 às 14:33
Foto:  AL-FURQAN MEDIA  AFP
A facção líbia do grupo Estado Islâmico reivindicou o atentado realizado - FOTO: Foto: AL-FURQAN MEDIA AFP
Leitura:

Ao menos 31 pessoas morreram e outras 40 ficaram feridas nesta sexta-feira em um triplo atentado na cidade líbia de Al Qoba, 30 km de Derna (leste), reduto de jihadistas.

A facção líbia do grupo Estado Islâmico reivindicou o atentado realizado, segundo ela, por dois camicases.

Em um breve comunicado, o grupo afirma "ter vingado o sangue dos muçulmanos em Derna", reduto de islamitas radicais que foi alvo esta semana de ataques aéreos egípcios.

Uma fonte da segurança líbia informou confirmou os 31 mortos e 30 feridos em três atentados simultâneos contra uma delegacia local, um posto de gasolina e a casa do presidente do parlamento líbio, Aguila Salah Issa.

A cidade de Al Qoba é controlada pelas forças leias ao general Khalifa Haftar e ao Parlamento reconhecido pela comunidade internacional.

A fonte da segurança não foi capaz de precisar de imediato se trataram-se de atentados suicidas ou com carros-bomba.

Vários socorristas indicaram que a maioria das vítimas estava no posto de gasolina, onde dezenas de veículos faziam fila devido à falta de combustível na cidade.

Eles acrescentaram que o presidente do Parlamento, com sede em Tobruk, mais a leste, não estava em casa no momento do ataque.

Estes atentados ocorrem poucos dias após os ataques aéreos realizados pelo Egito contra posições do grupo Estado Islâmico (EI) em Derna, em represália ao anúncio da decapitação de 21 cristãos coptas, em sua maioria egípcios, pelo grupo jihadista.

A Líbia está mergulhada no caos desde a queda em 2011 de Muammar Kadhafi, as autoridades não conseguem controlar as dezenas de milícias formadas por ex-insurgentes que fazem a lei ante um exército e uma polícia divididas e enfraquecidas.

Últimas notícias