PRISÃO

Cabral deixa sede da PF e deve ser conduzido para complexo de Bangu

Após fazer o exame de corpo e delito, o ex-governador do Rio de Janeiro será encaminhado para o complexo de Bangu

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo
Publicado em 17/11/2016 às 17:20
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil
Após fazer o exame de corpo e delito, o ex-governador do Rio de Janeiro será encaminhado para o complexo de Bangu - FOTO: Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil
Leitura:

O ex-governador do Rio de Janeiro Sergio Cabral (PMDB), preso na manhã desta quinta-feira (17) pela Polícia Federal (PF), deixou a sede da corporação, no centro do Rio, pouco antes das 17h30 desta quinta.

Embora não haja confirmação oficial, o provável destino dele é o Instituto Médico-Legal (IML), onde será submetido a exame de corpo de delito. Esse é um procedimento de praxe, exigido pela lei antes de qualquer pessoa dar entrada em algum presídio. Após o exame, Cabral deve ser conduzido a uma das penitenciárias do complexo de Bangu, na zona oeste.

Manifestação a favor da prisão do ex-governador do Rio de Janeiro

Na saída, o carro da PF que levava Cabral foi cercado por aproximadamente 20 pessoas, que gritavam palavras de ordem contra o ex-governador - o mais comum foi um coro de "ladrão", mas o grupo gritou até "cadê o Amarildo?", numa referência ao ajudante de pedreiro torturado e morto por policiais em julho de 2013.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias