DEM

'DEM servir de barriga de aluguel de Bolsonaro não vai acontecer', diz presidente do partido

Presidente do DEM, ACM Neto comenta possibilidade partido ajudar Bolsonaro nas eleições municipais

Ana Gabriela Lima
Ana Gabriela Lima
Publicado em 22/01/2020 às 9:23
Notícia
Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Presidente do DEM, ACM Neto comenta possibilidade partido ajudar Bolsonaro nas eleições municipais - Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Leitura:

O prefeito de Salvador e presidente do partido Democratas (DEM), ACM Neto, afirmou, em entrevista concedida à Rádio Jornal, que o partido não será a 'barriga de aluguel' de Bolsonaro (sem partido) nas eleições municipais deste ano.

O presidente Jair Bolsonaro, que ainda não conseguiu oficializar a criação de seu partido, o Aliança pelo Brasil, pode procurar candidatos dentro de outros partidos durante as eleições municipais. Mas, segundo ACM, o fato da legenda já ter apoiado o Governo Bolsonaro em algumas pautas, não significa que sempre haverá apoio.

>> Igor Maciel: Salvador deveria ser exemplo para o Recife na atração de verbas privadas

>> 'Mendonça terá todo respaldo e apoio do DEM', afirma ACM Neto sobre candidatura à Prefeitura do Recife

"Nós somos a favor da agenda do Brasil. O Democratas foi decisivo ao longo de 2019 para a aprovação da reforma da Previdência. Sempre que o governo precisou do nosso partido de maneira responsável, nós o apoiamos. Porém, isso não quer dizer que terá alinhamento automático", explicou.

Ouça entrevista de ACM Neto

Aliança pelo Brasil 

O ex-governador de Pernambuco Joaquim Francisco (PSDB) pode ser o candidato do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) à Prefeitura do Recife. E tudo depende do destino do novo partido do presidente, o Aliança pelo Brasil. Se não conseguirem oficializar a legenda a tempo, dirigentes veem com bons olhos o nome do tucano como uma alternativa à direita no Recife. As informações são da coluna do Estadão.

Leia o manifesto do novo partido de Bolsonaro, o Aliança pelo Brasil

O Aliança pelo Brasil ainda não existe e corre contra o tempo para ter status oficial de partido político. No momento, os apoiadores se esforçam na coleta de assinaturas físicas.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias