OPERAÇÃO CAIXA DE PANDORA

'Está cheirando a uma grande armação', diz Neco sobre operação

O vereador e candidato a prefeito de Jaboatão é um dos alvos da operação que investiga esquema criminoso na Câmara dos Vereadores da cidade

JC Online
JC Online
Publicado em 14/10/2016 às 11:18
Bobby Fabisak?/JC Imagem
FOTO: Bobby Fabisak?/JC Imagem
Leitura:

O vereador e candidato a prefeito de Jaboatão dos Guararapes,  Neco (PDT), classificou a Operação Caixa de Pandora, da qual é alvo, como uma "grande armação" e disse que está tranquilo quanto a investigação. A ação da Polícia Civil investiga suspeitos de envolvimento em esquema de peculato, abandono de cargo público, falsificação de documento público e associação criminosa, com atuação na Câmara de Vereadores de Jaboatão, no Grande Recife, cumpriu 48 mandados de busca e apreensão nesta sexta-feira (14).

"Hoje pela madrugada fui acordado pela Polícia Civil do Estado de Pernambuco arrombando a porta da minha casa, me mostrando um mandado de busca e apreensão, abri a porta tranquilamente, chamei minha esposa que estava dormindo e esperamos tranquilamente. Agora eu quero afirmar que essa operação está cheirando a uma grande armação", afirmou.

O político ainda lamentou a deflagração há duas semanas da eleição e alegou estar sofrendo perseguição política por ser um candidato popular. "Quando uma pessoa do povo, quando uma pessoa que cortou cana, plantou roça, está prestes a ser prefeito do município, as elites fazem de tudo para impedir que isso aconteça", disse.

Neco afirmou que vai continuar normalmente com sua agenda de campanha. "Vamos aguardar, espero em Deus que tudo aconteça para esclarecimento da minha vida ao povo de Jaboatão. Minha campanha vai continuar a todo vapor porque eu sou o candidato do povo."

Operação Caixa de Pandora

A Polícia CIivil deflagrou a Operação Caixa de Pandora no início desta sexta-feira (14). Foram cumpridos 48 mandados de busca e apreensão domiciliar. Desse total, 19 em endereços ligados à parlamentares da Câmara de vereadores de Jaboatão. As investigações começaram há cinco meses pela Delegacia de Crimes contra a Administração e Serviços Públicos (DECASP). Além de Neco, o candidato a vice na chapa de Anderson Ferreira, Ricardo Valois também está sendo investigado.

Bobby Fabisak?/JC Imagem
A Operação Caixa de Pandora foi deflagrada nesta sexta-feira (14) - Bobby Fabisak?/JC Imagem
Bobby Fabisak?/JC Imagem
Material apreendido está sendo levado para o Departamento de Repressao aos Crimes Patrimoniais - Bobby Fabisak?/JC Imagem
Bobby Fabisak?/JC Imagem
O candidato Neco (PDT) e o candidato a vice na chapa de Anderson Ferreira (PR) estão entre os alvos - Bobby Fabisak?/JC Imagem
Bobby Fabisak?/JC Imagem
Material apreendido inclui computadores, documentos e dinheiro - Bobby Fabisak?/JC Imagem
Bobby Fabisak?/JC Imagem
Dezenove mandados estão sendo cumpridos em endereços ligados à parlamentares da Câmara de Jaboatão - Bobby Fabisak?/JC Imagem
Bobby Fabisak?/JC Imagem
A operação conta com a participação de 354 policiais civis - Bobby Fabisak?/JC Imagem
Bobby Fabisak?/JC Imagem
Ao todo, estão sendo cumpridos 48 mandados de busca e apreensão domiciliar - Bobby Fabisak?/JC Imagem

 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias