COLUNA ENEM E EDUCAÇÃO

UFRPE terá câmpus avançado no Porto de Suape, em Ipojuca

No local, alunos e professores poderão ter aulas práticas e desenvolver projetos e pesquisas envolvendo as áreas de engenharia, tecnologia ambiental , biotecnologia e agroecologia

Margarida Azevedo
Cadastrado por
Margarida Azevedo
Publicado em 16/05/2022 às 17:20 | Atualizado em 16/05/2022 às 18:09
Divulgação
Câmpus avançado da UFRPE vai funcionar no quinto pavimento do centro administrativo de Suape, em Ipojuca - FOTO: Divulgação
Leitura:

Alunos e professores de graduação e pós-graduação da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) vão ganhar um câmpus avançando que será instalado no Porto de Suape, em Ipojuca, no Grande Recife. Graças a um convênio de cooperação técnica, será possível realizar aulas práticas e desenvolver projetos e pesquisas em diversas áreas como engenharia, tecnologia ambiental, biotecnologia e agroecologia.

A Estação Suape-UFRPE de Sustentabilidade (Esus) vai funcionar no 5º andar da sede de Suape. Será inaugurada nesta terça-feira (17). É o quinto câmpus avançado da UFRPE, que tem outras unidades em São Lourenço da Mata (RMR), Carpina (Zona da Mata), Garanhuns (Agreste) e Ibimirim (Sertão). Na vizinha cidade do Cabo de Santo Agostinho, a Rural possui uma unidade acadêmica com a oferta de graduações em cinco engenharias (civil, de materiais, elétrica, eletrônica e mecânica).

Além de ceder o espaço físico para instalação da Esus, o Porto de Suape vai elaborar e submeter propostas de editais para a captação de recursos em parceria com a universidade. Também estreitar o relacionamento com as empresas instaladas na estatal, a fim de compartilhar serviços, experiências e informações.

"É um marco importante para o estabelecimento das relações entre a universidade, o governo, a iniciativa privada e o terceiro setor. Acredito que essa estação vai fomentar projetos de grande interesse para o crescimento de Pernambuco", destaca o reitor da UFRPE, Marcelo Carneiro Leão.

"Com o auxílio da academia, buscaremos as melhores alternativas para implementação dos nossos projetos, de forma que gerem melhor custo-benefício e sejam ambientalmente sustentáveis. Já temos uma parceria com o CESAR para desenvolvimento de ferramentas tecnológicas. Com a chegada da UFRPE a esse time, Suape deverá se tornar, em pouco tempo, um dos portos mais modernos do Brasil", enfatiza o diretor-presidente de Suape, Roberto Gusmão.

 

Comentários

Últimas notícias