LUTO

Morre Amora, a vira-lata com doença rara que ganhou as redes sociais por só poder comer em pé

Cadela era diagnosticada com a rara doença chamada de megaesôfago, que impede que comidas e bebidas cheguem ao estômago do cão

Katarina Moraes
Katarina Moraes
Publicado em 24/08/2021 às 15:36
Notícia
REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
O sucesso de Amora foi tão grande que o vídeo dela comendo chegou a contar com mais de 600 mil curtidas e 9 mil comentários no Instagram - FOTO: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
Leitura:

A influenciadora digital Gabi Oliveira foi às redes sociais nesta terça-feira (24) com uma triste notícia: a de que Amora, sua cadela, faleceu nessa segunda-feira (23) em Minas Gerais. A vira-lata ficou conhecida nas redes sociais após a tutora compartilhar um vídeo dela se alimentando em pé, por ser diagnosticada com a rara doença chamada de megaesôfago, que impede que comidas e bebidas cheguem ao estômago do cão.

Ela foi adotada em setembro de 2019 nas ruas, e aparentava ter uma boa saúde. Entretanto, começou a apresentar tosses e vômito, e o casal a levou em um médico-veterinário, que deu o diagnóstico da doença. Com o tempo, até as perninhas ficaram fracas, e Amora era colocada dentro de um balde para facilitar na hora de comer.

"No início eu, @gabioliveirai, e @tiago_camposs ficamos bem tristes com tudo, achando que não daríamos conta. Mas tivemos paciência, e adaptamos a nossa rotina. Graças a Deus a Amora também adaptou. Hoje ela já sabe quais os horários de comer, fica no baldinho tranquila, após comer da um até um cochilo no baldinho (precisa esperar uns minutos até fazer a digestão). Se estivesse na rua, dificilmente sobrevivia", contou a influenciadora à época em que o vídeo foi publicado.

O sucesso foi tão grande que a publicação chegou a contar com mais de 600 mil curtidas e 9 mil comentários no Instagram.

"Queria que fosse mais um dia qualquer onde eu acordo, cuido de você e depois faço minhas coisas. Mas infelizmente não é. Eu tô juntando forças pra tentar explicar tudo isso que aconteceu nas últimas horas, mas ainda dói tanto. Serei eternamente grata por tudo que vc significou pra nós, por nos ensinar a importância da adoção, por ter feito parte de nossas vidas. Te amaremos pra sempre minha Gordinha", escreveram na página oficial da cadela e dos irmãos, a @amoresdequatropatass.

Hoje, entretanto, a legenda do vídeo foi alterada para "Amora lutou bravamente, mas infelizmente não resistiu. Ela nos deixou dia 23/08/21. Obrigada a todos que nos ajudaram".

"Eu me pergunto porque a vida foi tão injusta com você? Essa doença que do nada tirou tudo que você mais gostava. E mesmo doente você conseguiu se adaptar tão bem a tudo. Seu vídeo ajudou tantos aumigos com a mesma doença, e muitos torciam por você assim sem ao menos te conhecer. E cada mensagem era uma gota de esperança de que você superaria tudo. Mas você precisava descansar. Você sem conseguir andar, respirar direito demonstrava “eu tô feliz” com o rabinho", relatam.

Conhece alguma história curiosa sobre animais de estimação e quer vê-la publicada na Meu Pet? Envie sua sugestão para kgonzaga@jc.com.br

Comentários

Últimas notícias