Informações e dicas para cuidados do seu bicho de estimação, seja ele um gato, cachorro, pássaro ou peixe de aquário, além de dicas de alimentação, adestramento, saúde e outros serviços
Meu Pet

Fique por dentro das novidades do mundo pet e confira as melhores dicas para cuidado de gatos, cachorros e outros bichinhos de estimação

pesquisa

Um em cada quatro tutores de gato pensa no animal de estimação como seu filho

O estudo foi realizado na Holanda e entrevistou 1.800 donos de gatos

Vitória Floro
Cadastrado por
Vitória Floro
Publicado em 13/01/2022 às 14:02
Imagem / Freepik
De acordo com os dados obtidos, 27% dos donos de gatos usaram a frase "meu gato é como uma criança para mim" - FOTO: Imagem / Freepik
Leitura:

Uma pesquisa realizada na Holanda e publicada na Revista Internacional de Pesquisa Ambiental e Saúde Pública, mostrou que muitos dos 1.800 donos de gatos, incluídos no estudo, antropomorfizam seus animais de estimação, atribuindo-lhes papéis que espelham os relacionamentos humanos.

De acordo com os dados obtidos, 27% dos donos de gatos usaram a frase “meu gato é como uma criança para mim" para descrever a relação com seus pets. Outros 52% descreveram o gato como “parte da família”

A coautora do estudo Esther M.C. Bouma, da Universidade de Groningen, disse ao site Newsweek que existem benefícios e também possíveis desvantagens para os donos de gatos que projetam relacionamentos humanos em seus animais de estimação dessa maneira.

Para a cientista, os donos que tratam seus gatos como pequenos humanos podem interpretar mal os comportamentos do animal, exagerando suas habilidades sociais. Traços como sensibilidade, empatia e consideração transformam os animais em uma fonte de apoio e companhia.

O estudo também descobriu que a intimidade do relacionamento de um dono com seu gato pode afetar a forma como os animais são tratados. Dessa forma, aqueles que consideram o gato “um membro da família” são mais propensos a permitir maior acesso do animal ao ar livre. Enquanto os que consideram os gatos “como uma criança” costumam restringir o acesso do animal ao ar livre, pois sentiam que “o gato depende do dono para cuidados e proteção”, apontou o estudo.

Comentários

Últimas notícias