COLUNA MOBILIDADE

Pagamento da passagem com celular é ampliado nos ônibus do Grande Recife

Depois de o Corredor de BRT Leste-Oeste, outras linhas do sistema convencional também aderiram ao sistema. É tecnologia para o usuário

Roberta Soares
Roberta Soares
Publicado em 30/03/2021 às 7:05
Notícia
FILIPE JORDÃO/JC IMAGEM
CARTEIRA Com o aplicativo do Cittamobi, usuário escolhe a forma que vai pagar ao entrar no coletivo - FOTO: FILIPE JORDÃO/JC IMAGEM
Leitura:

Em meio a tantas notícias ruins associadas ao transporte público coletivo devido à crise sanitária provocada pela pandemia de covid-19, uma informação boa para o passageiro. O pagamento da tarifa com o uso do celular está sendo ampliado nos ônibus da Região Metropolitana do Recife. Depois de o Corredor de BRT Leste-Oeste, que liga a capital ao município de Camaragibe, na área oeste da RMR, ter adotado a tecnologia, agora outras linhas do sistema convencional também aderiram ao serviço.

CONFIRA O ESPECIAL MULTIMÍDIA #NOVAROTAÇÃO

A tecnologia, batizada de Carteira Digital Cittamobi, permite o pagamento da passagem pelo smartphone, por aproximação, dispensando o uso do cartão VEM. Uma modernização que vai facilitar, em muito, a rotina dos passageiros que aderirem, e que pode ajudar no resgate da imagem do setor de transporte público coletivo. O investimento é do setor operacional, vale ressaltar. Além das linhas do BRT Leste-Oeste operadas pelo Consórcio MobiBrasil, desde o dia 10 de março é possível dispor da tecnologia nas linhas 631 (Nova Descoberta/Cabugá) do Consórcio Recife, e nas linhas 103 (Itapuama) e 123 (Suape) da Empresa São Judas Tadeu. A tecnologia disponível é identificada com um adesivo no para-brisa dos ônibus.

FILIPE JORDÃO/JC IMAGEM
Uma modernização que vai facilitar, em muito, a rotina dos passageiros que aderirem, e que pode ajudar no resgate da imagem do setor de transporte público coletivo - FILIPE JORDÃO/JC IMAGEM

O pagamento não é feito via QRCode. Tudo é realizado pelo aplicativo Cittamobi, bem conhecido dos passageiros da RMR por indicar os horários dos ônibus há mais de cinco anos. O Cittamobi, inclusive, é o substituto do app oficial do sistema de ônibus, do Grande Recife Consórcio de Transporte Metropolitano, que até hoje não avança nos testes, depois de dez anos tentando ser viabilizado. A nova operação é, na verdade, uma carteira virtual que o passageiro coloca dinheiro e, ao entrar nas estações e terminais, aproxima o celular do leitor, liberando a passagem.

ARTES JC
CITTA_web - ARTES JC

COMO FUNCIONA
Para usar a carteira digital Cittamobi, o usuário baixa o aplicativo, preenche um cadastro pessoal, envia uma selfie e a foto de um documento (carteira de identidade, carteira de motorista, etc.). Segundo a Cittamobi, o processo é idêntico ao realizado nos bancos digitais e totalmente pelo celular. Depois, é necessário adicionar saldo gerando um boleto bancário, que terá um custo de R$ 1,90, é importante informar. No caso do boleto bancário, é preciso aguardar até 24h para compensação e disponibilização do saldo na carteira digital. Já na utilização do cartão de crédito, o pagamento pode ser realizado na mesma hora. Ao entrar no ônibus ou na estação, o passageiro escolhe se quer usar o saldo da sua carteira ou o cartão de crédito, aproxima o celular do leitor e a liberação da catraca é imediata.

Acesse AQUI

URBANA-PE
Pagamento da passagem pelo celular - URBANA-PE

 

Comentários

Últimas notícias