COCADA

Cocada: um doce com a cara do Brasil

De forno, de colher ou de corte, a cocada é um dos doces mais apreciados pelos brasileiros

Lívia Karolline
Lívia Karolline
Publicado em 26/02/2021 às 15:13
Notícia
TV Jornal
Receita de cocada de forno, de colher e de corte do chef Rivandro França - FOTO: TV Jornal
Leitura:

Seja branca, preta, marrom, com coco, com amendoim, dura ou cremosa, a verdade é uma só: cocada é muito bom. Embora a origem desse doce maravilhoso não seja clara, existem relatos de que a cocada tem origem africana.

Mas, se é africana, por quê é um doce com cara de Brasil? Porque foi feita pelos escravos africanos trazidos em navios negreiros, já em território brasileiro. Relatos mais específicos ainda mostram que a cocada surgiu no estado da Bahia, caiu nas graças do povo e se popularizou pelo país inteiro.

Origem

Os escravos tinham o hábito de se reunir para dançar durante a noite, como forma de deixar a escravatura de lado por alguns momentos. Durante essas reuniões, o doce era feito por escravas, usando a fruta que era abundante na região, o coco.

Também era preparada uma calda utilizando açúcar ou melaço de cana. As primeiras cocadas usavam açúcar mascavo, por isso tinham uma coloração mais escura.

As escravas ralavam o coco, preparavam a calda e acrescentavam o coco, tudo isso em grandes tachos assentados em fogo de lenha, para cozinhar até dar o ponto para cortar o doce.

Você sabia?

No candomblé, a cocada tem um significado especial, e a versão branca do doce se chama Santo Antônio.

Em 1808, quando a família real portuguesa veio para o Brasil, o rei Dom João VI era o primeiro a comer as cocadas, pois eram as mais fresquinhas e cobiçadas nas refeições reais, apenas depois disso, o resto das pessoas podia se servir. Daí veio a expressão 'rei/rainha da cocada preta'.

A cocada é usada como parte das oferendas para Oxalá, o principal orixá do candomblé. Nas oferendas feitas para ele, a cocada representa a inocência das crianças.

Como preparar?

O doce pode variar de tamanho e espessura do coco, podendo ela ser branca ou mais escurinha, de consistência mais resistente ou cremosa, tudo depende do gosto de quem vai consumir a iguaria.

Os ingredientes também variam, há quem use amendoim, leite condensado, gema de ovo, polpa de frutas e sementes, como por exemplo, o gergelim. Não é difícil encontrar quem seja apaixonado pela cocada Brasil a afora.

O chef Rivandro, do programa Sabor da Gente, tem uma dica especial para quem vai preparar cocada ou outros doces à base de leite condesado ou muito açúcar:

No começo, a cocada era feita por donas de casa e vendida pela rua, em tabuleiros. Aos poucos, o doce foi caindo no gosto do povo e deixou de ser algo apenas artesanal para começar a ser produzido em grandes escalas, de forma industrial.

Dessa forma, passou também a ser comercializada em feiras, supermercados, lojas de conveniência, padarias e confeitarias. É um doce típico que pode ser encontrado em diversos lugares.

Receitas de cocada preparadas no Sabor da Gente

Cocada de Forno

Ingredientes

4 xícaras de coco fresco ralado
3 ovos
4 xícaras de açúcar
1 colher (sopa) de manteiga
Raspas de gengibre a gosto
1 caixa de leite condensado

Modo de Preparo

Pré-aqueça o forno a 180º. Unte com manteiga um refratário raso que comporte o preparo.
Numa tigela, junte a manteiga e os ovos e misture com o batedor de arame. Adicione o açúcar, aos poucos, mexendo bem a cada adição. Acrescente o coco ralado e misture com uma espátula para incorporar. Finalize com o gengibre.
Transfira a massa para o refratário e leve ao forno para assar por cerca de 40 minutos, ou até ficar bem dourada. A cocada vai ficar com uma casquinha crocante, mas ainda cremosa no centro.
Retire do forno e deixe esfriar em temperatura ambiente antes de servir. Essa cocada também fica uma delícia servida gelada.

Participe da nova temporada do quadro Ô de Casa do Sabor da Gente

Já imaginou receber o Chef Rivandro para cozinhar na sua casa? Então faça agora a sua inscrição na nova temporada do quadro Ô de Casa! Basta clicar aqui ou preencher o formulário abaixo e aguardar o contato da produção do Sabor da Gente.

 

 

 

 

Comentários

Últimas notícias