IMUNIZAÇÃO

Mais 198 mil doses de vacina contra covid-19 chegam a Pernambuco

Com a chegada da nova remessa, o número de doses recebidas pelo Estado totalizará 1.052.960 unidades

Vanessa Moura
Vanessa Moura
Publicado em 16/03/2021 às 19:42
Reprodução/Twitter
As doses chegaram na noite desta terça-feira (16) - FOTO: Reprodução/Twitter
Leitura:

Atualizada às 23h17.

Um avião carregado com mais 198.600 doses da vacina Sinovac/Butantan contra a covid-19 pousou em Pernambuco na noite desta terça-feira (16), no Aeroporto Internacional do Recife, na Imbiribeira, Zona Sul do Recife. Com a chegada da nova remessa, o número de doses recebidas pelo Estado totaliza 1.052.960 unidades.

Agora, o quantitativo de idosos de 75 a 79 anos que poderão ser protegidos contra o novo coronavírus vai subir para 59%. Além disso, o número de trabalhadores de saúde imunizados chegará a marca de 86%.

“Com as doses enviadas pelo Ministério da Saúde até o momento, ainda não conseguimos atender 100% dos trabalhadores de saúde e dos idosos entre 75 e 79 anos. Mas vamos continuar avançando nessas populações com esse novo lote”, disse o secretário estadual de Saúde, André Longo.

As vacinas foram recebidas pelo Programa Estadual de Imunização. O órgão ficará responsável por verificar e dividir, de forma igualitária, as doses entre os municípios pernambucanos. A base de cálculo populacional dos grupos prioritários do próprio Ministério da Saúde será o critério levado em consideração para a distribuição das doses. 

DIVULGAÇÃO/ALUÍSIO MOREIRA/SEI
IMUNIZANTES Mais 198.600 doses de vacina contra a covid-19 chegaram ao Estado na noite de ontem - DIVULGAÇÃO/ALUÍSIO MOREIRA/SEI
Divulgação/Aluísio Moreira/SEI
Nova remessa será destinada aos idosos entre 75 e 79 anos e aos trabalhadores da área de saúde - Divulgação/Aluísio Moreira/SEI
Divulgação/Aluísio Moreira/SEI
Nova remessa será destinada aos idosos entre 75 e 79 anos e aos trabalhadores da área de saúde - Divulgação/Aluísio Moreira/SEI
Divulgação/Aluísio Moreira/SEI
Nova remessa será destinada aos idosos entre 75 e 79 anos e aos trabalhadores da área de saúde - Divulgação/Aluísio Moreira/SEI
Divulgação/Aluísio Moreira/SEI
Nova remessa será destinada aos idosos entre 75 e 79 anos e aos trabalhadores da área de saúde - Divulgação/Aluísio Moreira/SEI
Reprodução/Twitter
As doses chegaram na noite desta terça-feira (16) - Reprodução/Twitter

De acordo com o governador Paulo Câmara, os lotes começam a ser distribuídos para todas as 12 Gerências Regionais de Saúde (Geres) nesta quarta, quando poderão dar continuidade à vacinação. 

Total de doses recebidas

Pernambuco já recebeu 1.052.960 vacinas ao todo. Deste número, 886.960 unidades são da Coronavac, para as duas doses, e 166 mil da Astrazeneca/Oxford/Fiocruz, para a primeira dose. 

SINOVAC/BUTANTAN

  • 1º entrega (18/01): 270.960;
  • 3º entrega (25/01): 38.400;
  • 4º entrega (07/02): 118.200;
  • 6º entrega (24/02): 48.000;
  • 7º entrega (03/03): 102.000;
  • 8º entrega (09/03): 110.800;
  • 9º entrega (16/03): 198.600.

ASTRAZENECA/OXFORD/FIOCRUZ

  • 2º entrega (24/01): 84.000;
  • 5º entrega (24/02): 82.000.

Balanço da vacinação

Em Pernambuco, 642.824 doses da vacina contra a covid-10 já foram aplicadas. Destas, 471.077 foram primeiras doses. Veja abaixo:

  • 183.890 trabalhadores de saúde;
  • 24.273 povos indígenas aldeados;
  • 6.097 idosos em Instituições de Longa Permanência;
  • 27.762 idosos de 70 a 74 anos;
  • 60.714 idosos de 75 a 79 anos;
  • 83.940 idosos de 80 a 84 anos;
  • 83.534 idosos a partir de 85 anos;
  • 867 pessoas com deficiência institucionalizadas.

Já em relação à segunda dose, já foram beneficiados 171.747 pessoas ao todo. Veja: 

  • 128.701 trabalhadores de saúde;
  • 23.161 povos indígenas aldeados;
  • 4.300 idosos institucionalizados;
  • 14.436 idosos de 80 a 84 anos;
  • 529 idosos a partir de 85 anos e 620 pessoas com deficiência institucionalizadas.

Consórcio para adquirir vacinas

A Câmara Municipal do Recife aprovou, na segunda-feira (15), o Projeto de Lei do Executivo que ratifica o consórcio entre municípios e Estados do Brasil, permitindo que a Prefeitura possa comprar, diretamente das farmacêuticas, vacinas contra a covid-19.

O texto aprovado possibilita que o poder público municipal possa adquirir não apenas as vacinas, mas também os insumos, equipamentos e serviços para acelerar a vacinação no Recife.

“É fundamental que possamos avançar e oferecer mais vacinas à população. O Brasil e Pernambuco vivem um momento muito delicado, com leitos hospitalares lotados e o aumento no número de casos e vítimas fatais. O único remédio que conhecemos é a vacina e este esforço será importantíssimo para que mais recifenses sejam imunizados”, afirmou o presidente da Câmara, Romerinho Jatobá (PSB).

O projeto passou por todas as comissões necessárias e houve pedido de dispensa para que fosse votado em plenário. Foram realizadas duas votações e em ambas foi aprovado por unanimidade na Casa. O texto final segue ainda hoje para a sanção do prefeito João Campos e publicação no Diário Oficial.

"A gente está nesta luta desde o início do ano, falando com os laboratórios, abrindo as negociações. Infelizmente, a maior parte dos laboratórios não demonstram interesse em poder fazer a venda direta. Então, através da Frente Nacional dos Prefeitos, nós estamos formando um consórcio com mais de mil municípios para poder comprar as vacinas", explicou João Campos quando enviou o projeto à Câmara.

A proposta havia sido encaminhada pela Prefeitura do Recife para a Casa José Mariano na última segunda (8) e teve dispensa de prazo solicitada pelo líder do governo Samuel Salazar (MDB). “É urgente a necessidade que temos de adquirir novas vacinas e continuar imunizando a população. E com mais celeridade. A doença avança e essa é a maneira de conter a contaminação. A Câmara cumpriu o seu papel em mais uma importante decisão no combate à covid-19 em nosso município”, disse Salazar.

Segundo o vereador, a aprovação imediata do projeto foi necessária, porque a montagem do consórcio está prevista para o  próximo dia 22 de março. Com a aprovação, o município está autorizado a adquirir vacinas pelo Consórcio Conectar – Consórcio de Vacinas das Cidades Brasileiras. A expectativa é que sejam adquiridas cerca de 200 mil doses para o Recife.

Salazar ainda ressaltou que o ingresso do município no consórcio vai facilitar a compra dos imunizantes em grande quantidade pelas cidades.

Comentários

Últimas notícias