PANDEMIA

Pernambuco suspende cirurgias e procedimentos eletivos que demandem internação

Pontos de vacinação contra covid-19 e Centros de Testagem continuam funcionando normalmente

Marcelo Aprígio Vanessa Moura
Marcelo Aprígio
Vanessa Moura
Publicado em 16/03/2021 às 22:01
ILUSTRATIVA/PIXABAY
As orientações foram elaboradas nesta terça-feira (16), durante reunião realizada com a participação do secretário estadual de Saúde, André Longo - FOTO: ILUSTRATIVA/PIXABAY
Leitura:

Atualizado em 17.03.21, às 6h50

Com a alta na confirmação de casos e óbitos pela covid-19 e a consequente situação de emergência no sistema público de saúde de Pernambuco, a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) publicou, na edição do Diário Oficial desta quarta-feira (17), uma portaria determinando que, enquanto durar a quarentena rígida no Estado, entre os dias 18 e 28 de março, cirurgias eletivas que demandem internação hospitalar continuem suspensas em Pernambuco. Além disso, a SES-PE recomenda que procedimentos diagnósticos, terapêuticos e ambulatoriais, como exames, cujo adiamento não traga risco a vida dos pacientes, devem ser remarcados.

De acordo com a portaria, serviços de atendimentos clínicos e/ou cirúrgicos, procedimentos e exames nos serviços de urgência e emergência, consultas e procedimentos ambulatoriais inadiáveis ou de acompanhamento assistencial não passível de interrupção, ficam mantidos na rede pública e privada.

As orientações foram elaboradas na terça-feira (16), durante reunião com a participação do secretário estadual de Saúde, André Longo.

“O objetivo desta portaria é reduzir ao máximo a circulação de pessoas nos serviços de saúde para evitar que as pessoas fiquem expostas ao vírus, em acordo com o decreto publicado pelo Governo de Pernambuco, que determina o período de quarentena. Os conselhos de classe, responsáveis por regular as atividades de cada categoria profissional, estão encarregados pela orientação dessas medidas”, afirmou a secretária executiva de Regulação em Saúde, Ricarda Samara.

Com a publicação da portaria, os servidores públicos que tiverem suas atividades suspensas temporariamente poderão ser convocados para outras atividades no âmbito da assistência aos pacientes com Covid-19 ou teletrabalho.

Os centros de testagem para a covid-19, assim como os pontos de vacinação, não sofrem alterações com o documento. 

Férias e licenças

Ainda segundo o documento, as férias dos profissionais de saúde em exercício na rede de saúde estadual, previstas para iniciar neste mês de março ou em meses consecutivos, estão suspensas. A medida está em vigor por tempo indeterminado. Profissionais que precisarem tirar férias logo após o término da licença maternidade, no entanto, poderão. 

Licenças prêmio para servidores efetivos em exercício na rede pública estadual também estão suspensas por tempo indeterminado, exceto para fins de aposentadoria, desde que seja comprovado o cumprimento dos requisitos legais para a concessão.

Casos de covid-19 em Pernambuco

A SES-PE divulgou, na terça-feira (16), o boletim com maior número de confirmações de casos e mortes por covid-19 de 2021. Foram mais 2.482 infectados e 60 óbitos pela doença em Pernambuco. As preocupantes taxas aparecem um dia após o Governo do Estado anunciar um período de quarentena mais rígida em todo o território estadual, que acontecerá entre os dias 18 e 28 de março.

Do total de casos, 177 (7%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e 2.305 (93%) são leves. Agora, Pernambuco totaliza 320.931 casos confirmados da doença, sendo 33.804 graves e 287.127 leves.

Os óbitos ocorreram entre 27 de dezembro de 2020 e 15 de março de 2021. Assim, o Estado totaliza 11.471 mortes pela Covid-19.

Comentários

Últimas notícias