BOLETIM

Após restrições mais rígidas, Pernambuco tem nesta terça (22) menor média móvel de casos de covid-19 em 45 dias

Média móvel de casos do novo coronavírus ficou em 2.214 nesta terça. A última vez que a taxa esteve abaixo disso foi em 9 de maio, com 2.156

Katarina Moraes
Katarina Moraes
Publicado em 22/06/2021 às 13:37
Notícia
ROQUE DE SÁ/AGÊNCIA SENADO
Testes para detecção do Covid-19 - FOTO: ROQUE DE SÁ/AGÊNCIA SENADO
Leitura:

Dados epidemiológicos mostram que Pernambuco registrou, nesta terça-feira (22), a menor média móvel de casos da covid-19 em 45 dias. Com a confirmação de mais 2.339 casos do novo coronavírus,  o indicativo - considerado o melhor para medir o comportamento da pandemia - figurou em 2.214, uma diminuição de 23% quando comparado ao número de 14 dias atrás. A última vez que a taxa esteve abaixo disso foi em 9 de maio, com média móvel de 2.156. 

A média móvel contabiliza a média dos últimos sete dias (contando com hoje) e compara com 14 dias atrás. Variações acima de 15%, seja para mais ou menos, indicam tendência de alta ou queda, respectivamente. Já abaixo disso, indicam estabilidade.

Entre os casos recém confirmados pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), 169 (7%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e 2.170 (93%) são leves. Agora, Pernambuco totaliza 539.815 casos confirmados da doença, sendo 48.777 graves e 491.038 leves.

O boletim desta terça (22) também trouxe a confirmação de que 62 óbitos ocorridos entre 18 de fevereiro de 2021 e essa segunda, 21 de junho de 2021, foram causados pelo novo coronavírus. Com isso, o Estado totaliza 17.343 mortes pela Covid-19.

Em 59 nesta terça, a menor desde 28 de maio de 2021, a média móvel de mortes também apresentou queda, de -23%. O Estado repetiu a tendência dessa segunda, dia em que quebrou uma sequência de 35 dias em alta ou estabilidade no indicativo de óbitos.

Comentários

Últimas notícias