CORONAVÍRUS

Veneza assiste vida renascer nos canais e coronavírus nos ensina a repensar formas de estar no mundo

Imagens circulam na internet com águas cristalinas da cidade italiana, agora tomada por peixes e patos. Covid-19 talvez nos obrigue a desacelerar e repensar relações sociais e com o meio ambiente

Mona Lisa Dourado
Mona Lisa Dourado
Publicado em 18/03/2020 às 16:13
Notícia
REPRODUÇÃO/INTERNET
Patos nadam livremente nos canais, agora, de águas transparentes - FOTO: REPRODUÇÃO/INTERNET
Leitura:

Em meio à escalada do coronavírus, que já soma mais de 200 mil casos no mundo, ao menos uma notícia inspiradora. Sem a horda de turistas e com a população recolhida em quarentena, a cidade italiana de Veneza, normalmente assolada pelo over turismo, agora assiste a vida renascer em seus canais.

>> Ministro da Saúde afirma que casos de coronavírus no Brasil vão aumentar nos próximos dias

>> Turistas pernambucanos retidos em Lisboa não conseguem voltar para casa

Reprodução de internet
Patos nadam livremente nos canais agora de águas transparentes - Reprodução de internet

Imagens da página pública Venezia Pulita (Veneza Limpa) mostram as águas, geralmente poluídas, agora cristalinas, em tons de verde e azul. Nas fotos, é possível até ver peixes prateados nadando no fundo dos canais e famílias de patos que parecem retornar alegremente ao seu habitat.

São um contraponto às cenas distópicas vistas em toda a Itália, segundo país mais afetado pela pandemia, depois da China, com mais de 2,5 mil mortos. Em seguida, vem o Irã, com quase mil mortos. No Brasil, há três mortes registradas até a tarde desta quarta-feira (18).

REPRODUÇÃO/INTERNET
Peixes estão sendo vistos no fundo dos canais - REPRODUÇÃO/INTERNET

Na Itália, assim como em outros países europeus, casos de Portugal, Espanha e França, foi decretada quarentena total. Portanto, as pessoas só devem sair de casa por motivos essenciais. A União Europeia, inclusive, fechou as fronteiras temporariamente desde a segunda-feira (16). No Brasil, por enquanto, há apenas a recomendação de evitar o contato social para tentar barrar a proliferação do vírus.

REPRODUÇÃO/INTERNET
Sem excesso de turistas, Veneza respira vida - REPRODUÇÃO/INTERNET

Em muitas das cidades em quarentena, moradores relatam que voltaram a ouvir o canto de pássaros e passaram a dormir melhor com o silêncio noturno.  

Talvez o período de quarentena nos dê tempo para desacelerar e pensar, a partir de cenários como esses, em novas formas de estar no mundo e transitar por ele. Com menos danos e adoecimento, e mais sensibilidade e empatia. Por nós, pelo outro, pelo meio ambiente e pelo futuro.

 

Reprodução de internet
Patos nadam livremente nos canais agora de águas transparentes - FOTO:Reprodução de internet
REPRODUÇÃO/INTERNET
Peixes estão sendo vistos no fundo dos canais - FOTO:REPRODUÇÃO/INTERNET
REPRODUÇÃO/INTERNET
Sem excesso de turistas, Veneza respira vida - FOTO:REPRODUÇÃO/INTERNET
REPRODUÇÃO/INTERNET
Patos nadam livremente nos canais agora de águas transparentes - FOTO:REPRODUÇÃO/INTERNET

Comentários

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias