AVIAÇÃO DOMÉSTICA

Oferta de voos quase dobra no Aeroporto do Recife em julho; Azul estreia rota para o Santos Dumont (RJ)

Capital pernambucana terá 58 voos diários neste mês, ante 30 em junho. Em agosto, Azul retoma conexão direta para Campina Grande e deve passar a compartilhar frequências com a Latam

Mona Lisa Dourado
Mona Lisa Dourado
Publicado em 07/07/2020 às 19:38
Notícia
DIVULGAÇÃO
O voo inaugural da Azul entre Recife e Rio de Janeiro (Santos Dumont) ocorreu na manhã desta terça-feira (7/7), um dia após o previsto inicialmente, com direito a batismo da aeronave, um Airbus A320neo - FOTO: DIVULGAÇÃO
Leitura:

Conteúdo atualizado às 10h56 do dia 8 de julho de 2020

Com a reabertura gradual da economia na maior parte do Brasil e o reforço das medidas de prevenção à covid-19, a malha aérea doméstica do País começa a ganhar impulso. No Aeroporto Internacional do Recife, a quantidade de voos diários praticamente dobra este mês, passando para 58, contra 30 em junho.

Conforme a coluna antecipou com exclusividade, a capital pernambucana ganhou até rota inédita da Azul Linhas Aéreas para o aeroporto Santos Dumont, no Centro do Rio de Janeiro.

O voo inaugural ocorreu na manhã de ontem (7/7), com direito a batismo da aeronave, um Airbus A320neo. A nova frequência diária tem horário de partida às 8h30 do terminal carioca, com chegada às 11h20. No sentido contrário, a decolagem é às 18h20 e a aterrissagem, às 21h20.

>> Aeroporto do Recife estreará nova tecnologia para agilizar embarque e garantir distanciamento. Saiba como funciona

>> Selo Turismo Ambiente Seguro é lançado para atrair visitantes às praias do Litoral Sul de Pernambuco

>> Gol retoma voos do Recife para Congonhas e Brasília, além da rota Petrolina-Guarulhos

>> Azul estreará voos do Recife para Congonhas (SP) e retomará os de Natal e Aracaju


Esta semana, a companhia também volta a ter conexão direta do Recife para Guarulhos (SP), Belo Horizonte e Maceió, além de reforçar a oferta de assentos na rota para Campinas. A partir do próximo dia 13 de julho, retoma as frequências para João Pessoa e Teresina.

A Azul foi a primeira a anunciar esta semana a malha para agosto, quando terá 303 voos diários no País para 80 cidades, o que representa 35% da capacidade de operação pré-pandemia. Em Pernambuco, serão 26 voos nos dias de pico, para 18 destinos.

A novidade desta vez a partir do Aeroporto do Recife será a retomada, em 3/8, do voo diário para Campina Grande, com partida às 13h10 e chegada às 14h. 

DIVULGAÇÃO
Azul retoma voo direto para Recife-Campina Grande em agosto - DIVULGAÇÃO

CODESHARE

Para agosto está previsto também o início do codeshare da Azul com a Latam. Ambas as companhias dizem que não há data certa para o lançamento da parceria, mas a Azul adianta que os voos compartilhados a partir da capital pernambucana incluem Petrolina, Juazeiro do Norte, Fernando de Noronha, Mossoró, Campina Grande, Paulo Afonso, Salvador, São Luís e Rio de Janeiro. A Latam acrescenta que em todo o País a operação contempla, além do Recife, rotas domésticas não sobrepostas de/para os aeroportos de Brasília (BSB), Belo Horizonte (CNF), Porto Alegre (POA), Campinas (VCP), Curitiba (CWB) e São Paulo (GRU).

Na manhã desta quarta-feira (8), a Azul divulgou os seus resultados operacionais relacionados ao mês de junho. Segundo a companhia, o tráfego de passageiros aumentou 43,6% comparado a maio de 2020. Já a capacidade teve um crescimento de 37,1%, resultando em uma taxa de ocupação média de 75,5%, aumento de 3,5 pontos percentuais ante o mês anterior.


LATAM

A Latam Linhas Aéreas ainda não divulgou a malha de agosto, mas desde 1º/7 passou a operar voos diretos do Recife para Brasília e Guarulhos (SP). Para São Paulo, os voos são diários e, para a capital federal, às segundas, quartas, quintas e sextas-feiras. A companhia pretende chegar a 165 voos diários em julho (23,5% da capacidade pré-pandemia), contra 63 (9%) em junho e 35 (5%) da média dos meses de abril e maio.

DIVULGAÇÃO
Latam, Gol e Azul ampliam malha na capital pernambucana em agosto - DIVULGAÇÃO
 

GOL

Por enquanto, a Gol Linhas Aéreas Inteligentes também só detalhou os voos previstos para julho, quando serão reforçadas as frequências a partir do Recife para Fortaleza, Galeão (RJ), Brasília e Salvador, com dois voos diários para cada destino. A companhia aumentará, ainda, para quatro as frequências diárias da rota Recife-São Paulo, com partidas para Guarulhos (SP) e Congonhas (SP). Em Petrolina, no Sertão do Estado, haverá ampliação de voos partindo do Aeroporto Senador Nilo Coelho para Guarulhos (SP).

A nova malha entrou em vigor no início do mês e chegará a 250 voos diários ao longo de julho, abrangendo 100 destinos.

Os indicadores de junho da Gol apontam crescimento da demanda em 95,4% e da oferta em 84,8% na comparação com maio. A taxa de ocupação ficou em 79,1%.

Em todas as companhias, os preços dos bilhetes, em geral, estão mais baixos que no período anterior à pandemia, mas variam de acordo com data, horário e a procura.


Foto: Guga Matos/ Acervo JC Imagem
Malha aérea do País chegou a ser reduzida em 92% por causa da pandemia do novo coronavírus - Foto: Guga Matos/ Acervo JC Imagem

INTERNACIONAL

Com as fronteiras do Brasil fechadas a estrangeiros e os brasileiros barrados na União Europeia e Estados Unidos, entre outros destinos, as rotas internacionais estão limitadas às frequências essenciais, mas nenhuma partindo do Recife.

Pela Latam, há voos somente a partir de Guarulhos (SP) para Frankfurt (FRA), Ilhas Malvinas (MPN), Lisboa (LIS), Londres (LHR), Madrid (MAD), México (MEX), Montevidéu (MVD), Santiago (SCL) e Miami (MIA).

Já a Azul opera três voos semanais para Fort Lauderdale e dois semanais para Lisboa, saindo do aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP).

A Gol não está voando para fora do País.

 

 

DIVULGAÇÃO
Azul retoma voo direto para Recife-Campina Grande em agosto - FOTO:DIVULGAÇÃO
DIVULGAÇÃO
Abear reclama que no Brasil o ICMS pesa na composição do preço do querosene de aviação - FOTO:DIVULGAÇÃO

Comentários

Últimas notícias