Humor

Violetas da Aurora estreiam a série 'Zona Eleitoral' no Instagram

Primeira apresentação acontece neste sábado (26), com transmissão no Instagram da Casa Maravilhas

Márcio Bastos
Márcio Bastos
Publicado em 25/09/2020 às 16:29
Notícia

Renato Filho/Divulgação
Violetas da Aurora é um coletivo de palhaçaria formado apenas por mulheres - FOTO: Renato Filho/Divulgação
Leitura:

O coletivo de palhaças Violetas da Aurora estreia a série Zona Eleitoral, neste sábado (26), às 21h, com transmissão no perfil do Instagram da Casa Maravilhas. A apresentação será gratuita, com esquema de contribuição voluntária.

Neste projeto, as artistas realizam a prévia para escolha da candidata oficial, aquela que irá representar os desejos e anseios de violetas das mais variadas matizes e lutas de uma cidade que representa todo o mundo.

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

#OcupaMaravilhas está de volta e é com grande alegria que recenemos nossas candidatas @violetas_da_aurora em ZONA ELEITORAL Uma campanha em quatro episódios! SEM CONVENÇÃO é o primeiro! Tu não vai ficar de fora, né?! Estamos de olho no teu voto! Sábado (26), às 21h No Instagram @casamaravilhas O ingresso, como sempre, é democrático! Pague quanto puder, com depósitos na conta: NuBank - banco 260 Agência 0001 Conta 43218962-0 CNPJ 27.677.055/0001-97 Ana Nogueira *tb temos contas CAIXA, BANCO DO BRASIL, ITAÚ VAMOS BOTAR A MÃO NA CONSCIÊNCIA @fabianapirro @ana_nog @mayra.waquim @silvinha_goes @keitycurumim @paulo.pontes.56 @marciacruz_maravilhas

Uma publicação compartilhada por Casa Maravilhas (@casamaravilhas) em

Ao todo, serão quatro episódios permeados por fatos e fotos da vida real a partir da interpretação das palhçaças. A estreia, intitulada Sem Convenção, aborda os bastidores da escolha de candidaturas majoritárias, os lances e os interesses que estão em jogo.

O Violetas da Aurora  é formado por Ana Nogueira (Dona Pequena), Fabiana Pirro (Uruba), Mayra
Waquim (Maroca) e Sílvia Góes (Sema Roza Madalena).

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias