FIG

FIG 2022 terá sete dias a mais: Veja datas do 30º Festival de Inverno de Garanhuns

Após pausa por conta da pandemia, festival comemora 30 anos de história

Emannuel Bento
Cadastrado por
Emannuel Bento
Publicado em 23/06/2022 às 10:30 | Atualizado em 24/06/2022 às 17:41
COSTA NETO/DIVULGAÇÃO
RETOMADA Festival de Inverno de Garanhuns ficou dois anos sem edição devido à pandemia - FOTO: COSTA NETO/DIVULGAÇÃO
Leitura:

Após muita expectativa, as datas do Festival de Inverno de Garanhuns finalmente foram divulgadas. O Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria Estadual de Cultura e da Fundarpe, anunciou que a 30ª edição vai acontecer entre 15 e 31 de julho, totalizando 17 dias de programação - são sete dias a mais, já que o evento costuma ter 10 dias.

O FIG está completando 30 anos em 2022. O festival não ocorre há dois anos por conta da pandemia da Covid-19. A programação artística ainda não foi divulgada, mas a reportagem já confirmou alguns nomes. Clique aqui para ver as primeiras atrações.

O anúncio foi feito em um vídeo que contou com a presença do secretário Estadual de Cultura, Oscar Barreto, e do prefeito de Garanhuns, Sivaldo Albino, publicado nas redes sociais do FIG.

"Vamos ter mais um forte investimento do Governo do Estado no modelo público de promoção da Cultura. O FIG é um instrumento de desenvolvimento da cadeia produtiva do setor. Além de ser um festival importantíssimo para a indústria cultural de Pernambuco, ele também mexe com a economia da região Nordeste", comentou o secretário Oscar Barreto.

Segundo o prefeito Silvado Albino, o FIG deste ano "será o maior, melhor e mais intenso". "Vamos poder proporcionar durante os 17 dias de realização algo nunca visto em nosso Estado", resumiu.

FIG 2022 teve mais de 2 mil inscrições

A 30ª edição do FIG contou com com mais de duas mil inscrições artísticas. Ao todo, 2082 propostas, de várias regiões do Brasil, foram submetidas na convocatória pública para participação na programação.

Ao todo, 1.599 propostas de artistas e grupos culturais foram habilitadas na análise artístico-cultural para compor a programação, divididas nas seguintes linguagens: Artes Visuais (25), Audiovisual (54), Circo (73), Cultura Popular (331), Dança (50), Design e Moda (21), Fotografia (24), Gastronomia (4), Literatura (51), Música (827), Patrimônio Cultural (18), Patrimônios Vivos (31) e Teatro (90).

As propostas classificadas não têm necessariamente sua contratação assegurada na programação do 30º FIG, ficando condicionada aos perfis dos espaços, viabilidade técnica, disponibilidade de agenda e ao orçamento destinado ao evento, bem como aos protocolos de enfrentamento da pandemia de Covid-19 vigentes à época, definidos pelas autoridades de saúde do Estado.

Comentários

Últimas notícias