Benefício

Confira calendário da prova de vida de aposentados e pensionistas do INSS em 2021

O bloqueio do benefício de aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) será retomado a partir do dia 1º de junho

Giovanna Torreão
Giovanna Torreão
Publicado em 16/05/2021 às 19:50
Notícia
Alex Oliveira
O funcionamento em espécie de "drive-thru" das agências do INSS acontece de segunda a sexta-feira, das 7h às 13h - FOTO: Alex Oliveira
Leitura:

Com informações da Agência Brasil

O bloqueio do benefício de aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) por falta de realização da prova de vida será retomado pelo órgão. A medida estava suspensa desde março de 2020 por conta da pandemia da covid-19.

>>> Veja como fazer a prova de vida de aposentados e pensionistas do INSS em 2021 pelo celular

De acordo com o INSS, os bloqueios serão retomados a partir do dia 1º de junho. A comprovação de vida deve ser feita deve ser realizado a cada 12 meses, conforme o calendário do INSS, para quem recebe pagamento por meio de contas corrente e poupança ou cartão magnético. Sendo assim, os beneficiários devem estar atentos para os meses de vencimento da prova de vida e evitar a suspensão do benefício. 

Em maio, 160 mil pessoas terão os benefícios bloqueados. Eles deveriam ter feito a prova de vida em fevereiro de 2020, antes do início da pandemia. Estes devem ir à agência regularizar a situação. A partir de março de 2020, os prazos serão retomados de forma gradual, com o objetivo de evitar aglomerações nas agências bancárias.

Consulte o calendário da prova de vida do INSS:

Mês do vencimento da prova de vida Novo prazo
março e abril de 2020 junho de 2021
maio e junho de 2020 julho de 2021
julho e agosto de 2020 agosto de 2021
setembro e outubro de 2020 setembro de 2021
novembro e dezembro de 2020 outubro de 2021
janeiro e fevereiro de 2021 novembro de 2021
março e abril de 2021 dezembro de 2021

 

Terão o benefício cortado neste mês aqueles beneficiários escolhidos para a comprovação digital por reconhecimento facial, mas que não fizeram o procedimento no aplicativo Meu Gov.br. O desbloqueio do pagamento dessas pessoas poderá ser feito por reconhecimento facial através do próprio aplicativo. Ainda de acordo com o INSS, cerca de 340 mil pessoas selecionadas que fizeram a prova de vida digital nos últimos meses não correm o risco de ter o benefício bloqueado.

Caso você ainda tenha alguma dúvida, poderá consultar o atendimento do INSS pelo telefone 135. 

Comentários

Últimas notícias