notificação

Para coibir preços abusivos, Procon notifica revendedores de botijões de gás do Grande Recife

Após reajuste, o preço do botijão de gás em Pernambuco passou para R$ 3,40 por quilograma

Bruna Oliveira
Bruna Oliveira
Publicado em 18/06/2021 às 12:16
Notícia
Foto: Marcello Casal/Agência Brasil
Em Pernambuco, o preço do gás passou para R$ 3,40 por quilograma - FOTO: Foto: Marcello Casal/Agência Brasil
Leitura:

O Programa de de Proteção e Defesa do Consumidor de Pernambuco (Procon-PE) está notificando as distribuidoras e fornecedores de gás da Região Metropolitana do Recife para que sejam apresentadas as notas fiscais de compra e de venda emitidas antes e após o reajuste de 5,9% aprovado pela Petrobras na última sexta-feira (11). 

O objetivo do órgão é comparar se os valores praticados após o reajuste seguem corretamente a atualização. O Procon-PE busca coibir a prática de preços abusivos na revenda dos botijões.

Em Pernambuco, o preço passou para R$ 3,40 por quilograma. Isso representa um aumento médio de R$ 0,19 por quilo. De acordo com o Procon-PE, caso seja constatado o abuso no repasse do valor, as providências serão tomadas por meio da abertura de um processo administrativo.

“Em um momento socioeconômico de dificuldades para todos, especialmente para aqueles que têm poder aquisitivo mais baixo, é uma violência tentar tirar proveito de um reajuste que, aplicado de forma correta, já impacta fortemente a vida financeira de milhares de famílias”, explicou o secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico.

Comentários

Últimas notícias