AVIAÇÃO CIVIL

Itapemirim começa a voar no Recife com vantagem para passageiros; veja destinos e preços

A empresa iniciou seus voos comerciais no último dia 1º de julho de 2021 em outros terminais do País e destaca o despacho grátis de bagagens

Lucas Moraes
Lucas Moraes
Publicado em 29/07/2021 às 12:32
Notícia
DIVULGAÇÃO
FROTA Ita vai começar a atuar no Brasil com 5 aeronaves. Até junho de 2022, serão 50 aviões para 35 destinos - FOTO: DIVULGAÇÃO
Leitura:

 

O Aeroporto Internacional do Recife - Gilberto Freyre começa a receber voos da nova companhia aérea ITA, do grupo Itapemirim. Tradicional no segmento rodoviário, o grupo começa a operar com seu braço aéreo voos regulares para São Paulo e Maceió, a partir da capital pernambucana, apostando no diferencial do despacho gratuito de bagagens.  

As rotas começam a ser operadas no dia 1º de agosto de 2021. Os voos da ITA serão realizados por aeronaves Airbus A320, com capacidade para transportar confortavelmente até 162 passageiros. São 18 assentos a menos em relação à configuração máxima do modelo. 

A empresa iniciou seus voos comerciais no último dia 1º de julho de 2021, já atuando nos aeroportos de São Paulo-Guarulhos (SP), Brasília (DF), Belo Horizonte-Confins (MG), Rio de Janeiro-Galeão (RJ), Porto Alegre (RS), Porto Seguro (BA), Salvador (BA) e Curitiba (PR).

A partir de 1º de agosto de 2021, além de Recife, a companhia também passará a voar para Florianópolis (SC), Fortaleza (CE), Maceió (AL) e Natal (RN).

Preços e vantagens 

A ITA chega ao mercado se colocando como a única companhia a operar voos domésticos no Brasil com franquia de bagagem gratuita para todos os passageiros, além de oferecer mais espaço entre as poltronas em todas as fileiras de suas aeronaves, proporcionando mais conforto durante a viagem, e marcação de assentos sem nenhum custo adicional.

No site da empresa, nos voos partindo do Recife, o despacho inclui até uma bagagem despachada de até 23 quilos. 

Os preços para os primeiros voos ainda seguem a média ou até mais do já cobrado no mercado. Na busca por passagens, uma passagem de ida para Maceió pode chegar a custar até R$ 1.026,33 (no dia 8 de agosto). O trecho de volta sai por R$ 702,03, na mesma data. 

Para o aeroporto de Guarulhos, o trecho, a partir do dia cinco de agosto, sai por R$ 632,33 (ida). O voo de Guarulhos com destino ao Recife é encontrado por R$ 425,42 (valor mais barato, no dia 21/08). 

Aeroporto do Recife 

Arrematado pela empresa espanhola Aena há pouco mais de dois anos, o Aeroporto Internacional do Recife -Gilberto Freyre terá as primeiras obras de ampliação concluídas em junho de 2023. Repactuando prazos por conta da pandemia da covid-19, a Aena entregou à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) material sobre a conclusão das melhorias imediatas já feitas no terminal e deu início à licitação da segunda fase das obras. Com investimento de R$ 120 milhões, essa primeira fase (1A) estava prevista para abril deste ano, mas teve o prazo alongado e impactará também no andamento da segunda etapa (1B), que foi esticada em mais oito meses.

Quando da última revitalização, o terminal passou a ter capacidade para atender 16,5 milhões de passageiros por ano, com espaço comercial para 247 pontos e Área Bruta Locável (ABL) de 6.811,29 metros quadrados. Além de possuir uma das maiores pistas de pouso e decolagem da região, com 3.007 metros de comprimento por 45 metros de largura e posições para estacionamento de 21 aeronaves, tendo 11 pontes.

 

THOMAS RAVELLY/DIVULGAÇÃO
Garanhuns chegou aos 17ºC nesta madrugada - FOTO:THOMAS RAVELLY/DIVULGAÇÃO

Comentários

Últimas notícias