Campeonato Brasileiro

Presidente do Náutico aprova projeção para início da Série B e técnico pede segurança

Série B está prevista para começar no segundo final de semana de agosto

Fernando Castro
Fernando Castro
Publicado em 26/06/2020 às 15:39
Notícia
Foto: Léo Lemos/Náutico
"Eu acho que o dia 8 de agosto é uma data viável para a Série B começar", avaliou o presidente Edno Melo (E) - FOTO: Foto: Léo Lemos/Náutico
Leitura:

Em reunião com os clubes das Séries A e B, a CBF projetou o início do Campeonato Brasileiro para o fim de semana de 8 e 9 de agosto. Em concordância com a proposta, o presidente do Náutico acredita que a data seja viável para o início da competição. Para a projeção ser confirmada, no entanto, as autoridades de saúde de cada sede envolvida no retorno precisa dar o aval de segurança, tendo em vista a evolução da pandemia do novo coronavírus nas cidades. A estreia do Timbu na segundona é contra o Avaí, a princípio no estádio da Ressacada, em Santa Catarina.

"O Náutico está de acordo. Eu acho que o dia 8 de agosto é uma data viável para a Série B começar. Na verdade ainda é uma projeção, porque não tem como marcar absolutamente nada e só será confirmado esse início se no mínimo 80% das cidades sedes liberarem os jogos. Foi uma reunião para projetar uma data. Uma das coisas que ficou definida também é que a competição vai até fevereiro, ou seja, vai comprometer o Campeonato Pernambucano do ano que vem", explicou o presidente Edno Melo.

Ainda de acordo com o presidente do Náutico, caso alguma cidade não seja liberada para a disputa dos jogos, os clubes precisam procurar outras sedes. "Vamos dizer que a maioria das cidades liberou a volta, mas aqui em Recife não, então o Náutico e o Sport vão ter que ver outra cidade para jogar durante esse período que não estiver liberado, podendo jogar em São Lourenço da Mata ou Caruaru, por exemplo. Mas não é o caso daqui, provavelmente vai ter essa liberação, acredito que não vai ter esse problema", destacou Edno.

GILMAR DAL POZZO

Completando a segunda semana de treinamentos desde que foi liberada a volta das atividades do futebol em Pernambuco, o técnico Gilmar Dal Pozzo confessou que ainda não tem uma opinião formada com relação a data prevista para o início da Série B. De acordo com o treinador do Náutico, para que o início do campeonato seja confirmado, a CBF precisa garantir a segurança dos jogadores e de todos os profissionais envolvidos no retorno dos jogos, tendo em vista que o risco de contaminação aumentaria com as viagens e hospedagens.

"Se a CBF entendeu que tem essa segurança, eu não vejo problema nenhum. Agora eu não posso julgar isso, se realmente vai ter essa segurança. É uma logística totalmente diferente de como estamos trabalhando no dia a dia. Vai ter viagem, vai ter contato em hotel, aeroporto, avião, então a CBF e as pessoas responsáveis têm que definir se tem segurança, é muito prematuro eu falar isso. Se tiver essa segurança, tendo como parâmetro outros campeonatos que estamos acompanhando na Europa, não vejo problema nenhum", comentou o treinador.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias