Timbu modificado

Confira as mudanças que o Náutico terá que fazer no time para enfrentar Paraná

Alvirrubro terá três atletas de fora por cumprirem suspensão e também deve ter um novo atleta sendo acionado no ataque

Klisman Gama
Klisman Gama
Publicado em 05/01/2021 às 18:58
Notícia

LUIZ NETO/CONFIANÇA
Lateral-esquerdo Kevyn é um dos desfalques para encarar o Paraná - FOTO: LUIZ NETO/CONFIANÇA
Leitura:

Depois de uma derrota para o Confiança na última segunda-feira (6), onde o Náutico apresentou uma quebra na evolução dos últimos jogos pela má atuação, a equipe alvirrubra vai para o duelo diante do Paraná nesta sexta-feira (8), às 19h15, no estádio dos Aflitos, com mudanças forçadas. Isso porque, na defesa, terá três atletas suspensos. Os laterais Hereda e Kevyn tomaram o terceiro cartão amarelo e cumprirão suspensão. Além deles, o zagueiro Rafael Ribeiro recebeu cartão vermelho após agredir Thiago Ennes, do Confiança. Com isso, a saída dessas peças mexe na linha defensiva que vinha sendo titular com Hélio dos Anjos.

 

Desta forma, sem esses jogadores, as mudanças devem ser as seguintes: Bryan, que vinha jogando como ponta-direita, deve ser utilizado na lateral-direita. Enquanto que, do outro lado, Igor Miranda deve, enfim, estrear na esquerda. Contratado ainda em outubro, o atleta vindo do Londrina figurou algumas vezes no banco de reservas, mas ainda não chegou a ser acionado para entrar em campo. Ou seja, fará a sua estreia com a camisa alvirrubra em um duelo de bastante importância para a sobrevivência do Náutico na Série B. Na zaga, Ronaldo Alves, recuperado de lesão na coxa, sofrida antes do jogo contra a Chapecoense, deve retomar a titularidade para jogar ao lado de Camutanga.

Com Bryan sendo recuado para a lateral, abre uma vaga no ataque. Desta forma, mantendo a estrutura do time, Dudu e Erick (caso volte a ficar à disposição) podem ser acionados, ou até deslocar Vinícius para o lado direito e escolher Álvaro para a ponta esquerda. Se houver a intenção de dar maior posse de bola ao time no meio de campo, Jorge Henrique ou Ruy podem ser acionados. Porém, tal mudança é menos provável de acontecer.

Comentários

Últimas notícias