DECRETO

Médicos estão livres do rodízio de carros no Grande Recife; veja mais categorias

Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Camaragibe e São Lourenço da Mata recebem medidas mais restritivas com o objetivo de combater o novo coronavírus

Katarina Moraes
Katarina Moraes
Publicado em 11/05/2020 às 12:18
Notícia
FELIPE RIBEIRO/JC IMAGEM
Veículos com placas pares só vão poder circular em dias pares; e os de placas ímpares em dias ímpares - FOTO: FELIPE RIBEIRO/JC IMAGEM
Leitura:

O rodízio de carros que acontecerá inicialmente entre os dias 16 e 31 de maio nas cidades do Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Camaragibe e São Lourenço da Mata, conforme anunciado nesta segunda-feira, 11, pelo Governo de Pernambuco, não englobará trabalhadores de serviços essenciais, como profissionais de saúde, por exemplo. A medida visa aumentar os índices de isolamento social, ação recomendada para frear o avanço do novo coronavírus, que já matou 1.087 pessoas no Estado.

As novas medidas têm início nesta terça-feira (12), em caráter educativo, que segue até a próxima sexta-feira (15). 

Veículos com placas pares só vão poder circular em dias pares; e os de placas ímpares em dias ímpares. Quem desrespeitar o rodízio nas cidades anunciadas será orientado a retornar e pode ter o veículo apreendido.

Os únicos permitidos a circular todos os dias são os profissionais de saúde, segurança, defesa civil e de uso oficial, além de veículos de serviços como abastecimento de gás, água, energia, correios, imprensa, produtos alimentares, funerárias, obras, coleta de lixo, guinchos e ambulâncias, táxis e ônibus.

Segundo o Governo, a circulação de veículos nas cinco cidades só será permitida com o porte de documentos que justifiquem destino e finalidade. Para fiscalizar os condutores, serão ativados 34 pontos de fiscalização, sendo 16 em Recife, oito em Olinda e oito em Jaboatão dos Guararapes. Outros dois pontos vão ser instalados em Camaragibe (um) e São Lourenço da Mata (um).

A comprovação do vínculo de trabalho com um destes serviços deve ser feita por meio de crachá, carteira de trabalho ou documentos similares.

Outras medidas anunciadas

As novas regras incluem, além do rodízio, a obrigatoriedade do uso de máscaras por todos e controle da circulação de pessoas exigindo a apresentação de documento de identificação e justificativa do destino.

Uso de máscaras

Todas as pessoas que circulam nas cinco cidades precisarão fazer uso obrigatório de máscaras. Pessoas sem o equipamento, que estiverem em vias públicas, serão orientadas a voltar para suas casas. Nos casos de estabelecimentos comerciais e transporte público, haverá autuação se for constatada a desobediência à nova medida.

Circulação de pessoas

Para circulação de pessoas, o governo exigirá a apresentação de documento de identificação, além de justificativa do destino e finalidade essencial para a saída. O Governo do Estado informa também que serão feitas ações de fiscalização e fechamento de estabelecimentos comerciais nas comunidades, além de higienização de ruas e distribuição de kits de higiene. Também haverá entrega de material informativo com reforço da importância do isolamento social.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias