SAÚDE

Olinda oferta atendimento de fisioterapia nos fins de semana para recuperados da covid-19

Atendimento começa a ser ofertado neste sábado (4) e domingo (5). O trabalho acontecerá nos fins de semana, das 7h às 13h

JC
JC
Publicado em 03/07/2020 às 11:35
Notícia
ACERVO/PMO
Atendimento acontece na Policlínica Barros Barreto, no Carmo - FOTO: ACERVO/PMO
Leitura:

A prefeitura de Olinda, no Grande Recife, anunciou, nesta sexta-feira (3), que o Centro de Referência Covid-19 Casos Leves, instalado na Policlínica Barros Barreto, no Carmo, passa a oferecer serviço de fisioterapia para pacientes já recuperados da doença. O atendimento começa a ser ofertado neste sábado (4) e domingo (5), e o trabalho acontecerá sempre nos fins de semana, das 7h às 13h.

A enfermeira e responsável pelo Centro, Patrícia Ferreira, explica que demanda será espontânea ou referenciada. "Os pacientes que forem atendidos aqui na unidade e avaliados com necessidade de um acompanhamento fisioterapêutico, serão direcionados. Então a fisioterapeuta fará uma triagem e verá a necessidade do paciente, se é um tratamento respiratório ou motor."

Patrícia afirma também que o Centro está com as portas abertas para os pacientes de Olinda que têm necessidade do atendimento. "A gente vai receber qualquer paciente que chegar. Os enfermeiros ou médicos vão fazer a triagem e avaliar se ele precisa fazer o teste rápido, se será direcionado para fisioterapia, entre outros. Depende do caso", disse.

Por dia são feitos cerca de 12 atendimentos pela fisioterapeuta Anakettlem Santana. A profissional explica que o tratamento é necessário não só para casos graves da covid-19, mas também os moderados. "Os casos moderados a gente também aconselha que passem pelo fisioterapeuta. Se for leve, nem sempre [o paciente] tem acompanhamento contínuo, a gente dá algumas orientações e ele permanece fazendo em casa."

A covid-19 pode causar o comprometimento respiratório e cardíaco. Anakettlem relata que a questão motora também é afetada. "Se os pacientes mais graves [não fizerem a fisioterapia], vão sempre estar com dificuldade para respirar e podem desenvolver crime asmática, por isso é sempre importante estar sendo acompanhado por fisioterapeutas".

A atividade é coordenada pela Secretaria Municipal de Saúde, através da Diretoria da Rede de Reabilitação.

Covid-19 em Olinda

Até registros que constam no boletim divulgado nessa quinta-feira (2), pela prefeitura de Olinda, a Marim dos Caetés somava 3.730 casos confirmados do novo coronavírus e 229 óbitos pela doença.

Assine a nova newsletter do JC e fique bem informado sobre o coronavírus

Todos os dias, de domingo a domingo, sempre às 20h, o Jornal do Commercio divulga uma nova newsletter diretamente para o seu email sobre os assuntos mais atualizados do coronavírus em Pernambuco, no Brasil e no mundo. E como faço para receber? É simples. Os interessados podem assinar esta e outras newsletters através do link jc.com.br/newsletter ou no box localizado no final das matérias.

O que é coronavírus?

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China.Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1.

Como prevenir o coronavírus?

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. Entre as medidas estão:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização. Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Ficar em casa quando estiver doente.
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.
  • Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (mascára cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).

Para a realização de procedimentos que gerem aerossolização de secreções respiratórias como intubação, aspiração de vias aéreas ou indução de escarro, deverá ser utilizado precaução por aerossóis, com uso de máscara N95.

Confira o passo a passo de como lavar as mãos de forma adequada

 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias