Polícia

Homem é preso em Igarassu após roubar celular de mulher com quem estava tendo um encontro

A prisão integrou a operação Caçador II, que teve foco na repressão ao tráfico de drogas, homicídios, roubos e porte ilegal de armas de fogo

JC
JC
Publicado em 18/09/2020 às 14:30
Notícia

DIVULGAÇÃO/PCPE
A prisão fez parte da operação Caçador II, deflagrada pela Polícia Civil nessa quinta-feira (17) - FOTO: DIVULGAÇÃO/PCPE
Leitura:

Um homem foi preso em flagrante após roubar o celular de uma mulher com quem estava tendo um encontro. O caso aconteceu nessa quinta-feira (17), na cidade de Igarassu, na Região Metropolitana do Recife (RMR). A prisão integrou a operação Caçador II, deflagrada pela Polícia Civil, que teve foco na repressão ao tráfico de drogas, homicídios, roubos e porte ilegal de armas de fogo.

Segundo a polícia, a mulher teria encontrado o rapaz e, ao final do encontro, ele teria dado uma chave de braço na vítima, chegando a apertar o seu pescoço. “Nós procuramos através da foto dele e, por volta da tarde, acabamos encontrando ele em Itamaracá e capturamos ele com o celular da vítima”, detalhou o delegado Lívio Magno Alves.

O homem foi encaminhado para a delegacia de Cruz de Rebouças, em Igarassu, e autuado pelo crime de roubo, após confessar que havia subtraído o celular da vítima. O aparelho foi devolvido à mulher.

Operação Caçador II

A Polícia Civil de Pernambuco prendeu 21 pessoas nos municípios de Jaboatão dos Guararapes, Paulista, Cabo de Santo Agostinho e Igarassu, na Região Metropolitana do Recife, suspeitas de envolvimento em crimes de tráfico de drogas, homicídios, roubos e porte ilegal de armas de fogo. A ação fez parte da Operação de Intervenção Tática (OIT) Caçador II, deflagrada nessa quinta-feira (17).

Das capturas, 4 foram efetuadas por mandados de prisão e uma por mandado de busca e apreensão de menor. Os outros 16 suspeitos foram autuados em flagrante delito, sendo 11 por tráfico de drogas, um por tentativa de homicídio, um por roubo, um por apropriação indébita, e dois menores apreendidos por infração equivalente a tráfico de droga.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias