PANDEMIA

Praia de Porto de Galinhas recebe ação de fiscalização contra a covid-19

Estão envolvidas 12 secretarias municipais, além da Vigilância Sanitária do Ipojuca e o Procon municipal. Ação acontece nesta sexta-feira (8)

JC
JC
Publicado em 08/01/2021 às 8:13
Notícia
BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Porto de Galinhas tem registrado alto movimento e descumprimento das regras de uso de máscara e distanciamento social pela maior parte dos banhistas - FOTO: BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Leitura:

A Prefeitura do Ipojuca informou que irá realizar, através do Comitê Contra o Coronavírus municipal, uma operação de fiscalização na praia de Porto de Galinhas com o foco na prevenção da covid-19, nesta sexta-feira (8), às 9h. Para isso, estão envolvidas 12 secretarias municipais, além da Vigilância Sanitária do Ipojuca e o Procon municipal. A gestão pede o comprometimento dos gestores no ordenamento da orla, no cumprimento dos decretos estadual e municipal e das medidas sanitárias a fim de evitar possíveis novos fechamentos do litoral.  

Na operação desta sexta, segundo o secretário de Defesa Social do Ipojuca, Osvaldo Morais, serão verificados o cumprimento dos decretos e se todos estão atuando na legalidade. “Serão observados não só os espaçamentos entre as cadeiras e guarda-sóis na praia, como também o uso de máscaras pelos trabalhadores da orla e o distanciamento das mesas nos bares e restaurantes”, explicou o secretário da SDS. Segundo ele, durante toda a operação haverá reforço nas escalas dos guardas municipais e dos agentes de trânsito.

De acordo com a prefeitura, a secretária de Turismo do Ipojuca, Carol Vasconcelos, junto com o secretário de Controle Urbano, Valdemiro da Paz, iniciaram nessa quarta-feira (6) reuniões com os líderes das categorias que trabalham na praia para deixá-los cientes da necessidade de cumprir os decretos estadual e municipal, sob pena de multa e cassação da licença.

“Quando se explica que se todos nós colaborarmos, pensando no bem coletivo, para evitar a disseminação desta doença, todos nós vamos ganhar, o apoio vem imediatamente. Precisamos preservar não só o nosso destino turístico, que é o mais procurado do estado, mas precisamos, acima de tudo, preservar nossas vidas. Estamos confiantes que eles vão colaborar”, afirmou a secretária de Turismo, Carol Vasconcelos.

Desde a liberação das praias, Porto de Galinhas tem registrado alto movimento e descumprimento das regras de uso de máscara e distanciamento social pela maior parte dos banhistas. Por nota, a prefeitura afirmou que realiza, desde o início da pandemia, a distribuição de máscaras diariamente e que faz barreiras sanitárias de conscientização e aferição da temperatura para quem chega ao balneário de Porto de Galinhas.

Reunião com o governo do estado

A ação acontece dois dias após o governador Paulo Câmara (PSB) reunir prefeitos dos municípios litorâneos de Pernambuco por videoconferência, visando ampliar a fiscalização de bares e barracas de praia. Em pronunciamento, o gestor alertou que os números da pandemia permanecem preocupantes, sobretudo com o período de férias em janeiro quando, tradicionalmente, aumentam as atividades sociais, principalmente nas praias. Por conta disso, os estabelecimentos instalados nesses locais precisam seguir rigorosamente os protocolos estabelecidos no Plano de Convivência das Atividades Econômicas com a Covid-19, que prevê regras gerais e específicas de acordo com cada setor.

Para a reunião, foram convidados os prefeitos dos seguintes municípios: Recife, Olinda, Paulista, Itamaracá, Igarassu, Goiana, Jaboatão dos Guararapes, Cabo de Santo Agostinho, Ipojuca, Sirinhaém, Barreiros, Rio Formoso, Tamandaré e São José da Coroa Grande. Além deles, participarão do encontro os secretários estaduais André Longo (Saúde), Rodrigo Novaes (Turismo), Humberto Freire (Executivo de Defesa Social), José Neto (Casa Civil), Alexandre Rebelo (Planejamento) e Guilherme Rocha (Administrador de Fernando de Noronha).

Comentários

Últimas notícias