Carga de milho sem nota fiscal e com 17,9 toneladas de excesso de peso é retida em Caruaru, no Agreste de Pernambuco

Cerca de R$13 mil foram emitidos entre multas e tributos

Bruna Oliveira
Bruna Oliveira
Publicado em 19/05/2021 às 15:21
Notícia
REPRODUÇÃO/PRF
O caminhão havia saído de Curitiba, no Paraná, com destino a Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife - FOTO: REPRODUÇÃO/PRF
Leitura:

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) reteve um caminhão que transportava uma carga de milho irregular na BR-232, em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, nesta quarta-feira (19). De acordo com o órgão, foi constatado que o veículo carregava 17,9 toneladas de excesso de peso no veículo e que parte da carga não possuía nota fiscal.

>> PRF liberta refém de sequestro em rodovia no Agreste de Pernambuco e recupera dois carros roubados

Ainda segundo a PRF, o caminhão havia saído de Curitiba, no Paraná, com destino a Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife. A nota fiscal apresentada pelo motorista do veículo indicava 32 toneladas de milho, no entanto, o veículo estava transportando outras 20 toneladas sem declaração.

Com a irregularidade, a equipe da PRF emitiu uma autuação por excesso de peso no valor de R$ 7.265 e uma outra pela falta de licenciamento. A Secretaria da Fazenda de Pernambuco (Sefaz-PE) foi acionada e gerou um Documento de Arrecadação Estadual (DAE) no valor de R$ 6.461,32.

Comentários

Últimas notícias