TEMPO

Inmet alerta para grande volume de chuva no Recife na noite desta terça-feira (24); veja áreas com risco

Previsão é de que pancadas de chuva se intensifiquem entre esta terça-feira (24) e quarta-feira (25)

Lucas Moraes Ana Maria Miranda
Cadastrado por
Lucas Moraes
Ana Maria Miranda
Publicado em 24/05/2022 às 16:08 | Atualizado em 24/05/2022 às 19:08
GUGA MATOS/ JC IMAGEM
CHUVA NO RECIFE 23.05.2022 - FOTO: GUGA MATOS/ JC IMAGEM
Leitura:

As fortes chuvas que atingem o Recife desde esta segunda-feira (23) continuam previstas até esta quarta-feira (25), de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). O instituto ampliou para até amanhã o alerta de perigo por conta da chuva forte em toda a Região Metropolitana e a Zona da Mata pernambucana. 

 

O alerta emitido pelo Inmet evidencia o maior risco de precipitações volumosas a partir das 18h desta terça-feira (24). "Chuva entre 30 a 60 mm/h ou 50 a 100 mm/dia. Risco de alagamentos, deslizamentos de encostas, transbordamentos de rios, em cidades com tais áreas de risco", informa o Inmet no alerta válido até as 10h da quarta-feira (25).

Veja lista de municípios na área de alerta do Inmet:

Abreu e Lima
Araçoiaba
Barreiros
Cabo de Santo Agostinho
Camaragibe
Goiana
Igarassu
Ilha de Itamaracá
Ipojuca

Itambé
Itapissuma
Itaquitinga
Jaboatão dos Guararapes
Moreno
Olinda
Paudalho
Paulista
Recife
Rio Formoso

São José da Coroa Grande
São Lourenço da Mata
Sirinhaém
Tamandaré

 

Desde o último fim de semana, quem mora na Região Metropolitana do Recife (RMR)fortes chuvas caírem pelos municípios. Nessa segunda-feira (23), foram registradas as maiores chuvas da semana.

No Recife, por exemplo, choveu quase 20% do volume esperado para todo o mês de maio, dentro de seis horas (12h às 18h).

Nas últimas 24h, o local onde mais choveu em Pernambuco foi o centro de Ipojuca, onde foram registrados 143,03 mm de precipitação, de acordo com a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac).

Em segundo lugar ficou o bairro da Charneca, no Cabo de Santo Agostinho (105,70 mm) e em terceiro, Enseada dos Corais, também no Cabo (104,87 mm). Os dados foram atualizados às 11h.

Vai continuar chovendo em Pernambuco?

A Apac atualizou a previsão do tempo na manhã desta terça-feira (24). De acordo com a meteorologista Zilurdes Lopes, a previsão ainda é de continuidade de chuvas nesta terça e na quarta-feira (25) no Estado

"Na Região Metropolitana do Recife, na Mata Sul e no Agreste, a chuva tende a aumentar de intensidade no período da tarde, principalmente noite, madrugada e manhã desta quarta-feira (25)", informa.

Vale lembrar que um aviso meteorológico emitido pela Apac, que indica chuvas de moderada a forte no Grande Recife e Zona da Mata, é válido até as 18h desta terça.

Veja a previsão do tempo completa:

No Grande Recife, o céu deve ficar nublado a parcialmente nublado. Estão previstas pancadas de chuva de forma isolada ao longo do dia, com intensidade moderada a forte. A temperatura máxima deve ser de 29°C e a mínima, de 22°C.

Na Zona da Mata, a previsão é a mesma: há possibilidade de pancadas de chuva ao longo do dia, também com intensidade moderada a forte. As temperaturas variam entre 30°C e 22°C na Mata Norte e na Mata Sul, de 29°C a 20°C.

No Agreste, a previsão é de tempo nublado a parcialmente nublado com pancadas de chuva de forma isolada ao longo do dia, com intensidade fraca a moderada. A temperatura máxima deve ser de 31°C e a mínima, de 18°C.

No Sertão, deve ocorrer chuva rápida de forma isolada no período da tarde e noite, com intensidade fraca. As temperaturas variam entre 31°C e 19°C.

Em Fernando de Noronha, o céu fica parcialmente nublado sem chuva ao longo do dia. A temperatura máxima deve ser de 30°C e a mínima, de 25°C.

Previsão do tempo para quarta-feira (25)

No Grande Recife e Zona da Mata, deve continuar chovendo ao longo do dia nesta quarta-feira (25), com intensidade moderada a forte. Na região do Agreste, a chuva também continua, com intensidade moderada.

Para a região do Sertão, há previsão de chuva principalmente no Pajeú, onde pode haver chuva de fraca a moderada à tarde e à noite.

Comentários

Últimas notícias