ATAQUE

Dono do Madero acusa senadores de 'roubalheira' em apoio a Luciano Hang, que vai depor na CPI da covid-19

A nova manifestação de Durski ocorre após ele ter evitado, por um longo período, fazer declarações de conteúdo político mais incisivas

Marcelo Aprígio
Marcelo Aprígio
Publicado em 01/07/2021 às 9:07
Notícia
Divulgação
A citação aos "sete senadores" reverbera falas recentes de Bolsonaro, que chamou de bandidos parlamentares da comissão - FOTO: Divulgação
Leitura:

O empresário Junior Durski, dono da rede de restaurantes Madero, em uma mensagem de apoio ao também empresário Luciano Hang, fez duras críticas a senadores que integram a CPI da covid nessa quarta-feira (30). Durski  comentou em uma postagem na rede social de Hang, na qual o dono da Havan afirma que irá depor no comissão de inquérito. 

"Vai lá, guerreiro, e mostre para aqueles sete palhaços como se faz para ajudar o Brasil. Eles, exceto roubalheira, nunca fizeram nada na raça e na legalidade, nunca ganharam nada! Tamo junto", comentou Durski.

A citação aos "sete senadores" reverbera falas recentes de Bolsonaro, que chamou de bandidos parlamentares da comissão. Além disso, a alcunha de "palhaços" não é nova. Nessa quarta-feira (30), os senadores Marco Rogério (DEM-RO) e Omar Aziz (PSD-AM) discutiram após a mesma ofensa ter sido proferida .

"Está vendo? Essa é a CPI do circo", disse o democrata, que integra a base aliada do Planalto. Aziz rebateu: "É do circo, é. E vossa excelência é o maior palhaço que tem aqui". Na tréplica, Marcos Rogério disse que Aziz é "o chefe do circo."

Vídeo contra isolamento social

Em março do ano passado, Durski, que faz parte do grupo de empresários aliados ao presidente Jair Bolsonaro, se notabilizou após publicar um vídeo atacando as medidas de isolamento social e a quarentena. "Não podemos [parar] por conta de 5 ou 7 mil pessoas que vão morrer. Eu sei que é muito grave, sei que isso é um problema, mas muito mais grave é o que já acontece no Brasil", afirmou ele.

A nova manifestação de Durski ocorre após ele ter evitado, por um longo período, fazer declarações de conteúdo político mais incisivas, principalmente, após o apresentador Luciano Huck sair da sociedade com ele no Madero, em decorrência das repercussões negativas da declaração do empresário. 

Hang na CPI

O empresário Luciano Hang afirmou que recebeu com “tranquilidade” a aprovação de sua convocação na CPI da covid no Senado. Ele é apontado como um integrante do suposto gabinete de aconselhamento paralelo ao Presidente Jair Bolsonaro sobre o enfrentamento à pandemia.

Hang disse que está disponível para qualquer esclarecimento e afirmou que por ter sido infectado pela covid-19 e perdido a sua mãe e amigos próximo em decorrência da doença, “acredita na importância de trabalharmos juntos para vencer essa guerra”.

Comentários

Últimas notícias