CRIME

Após aplicar golpes contra grifes de luxo, cantor gospel é preso

André Santos foi alvo de uma ordem de prisão após os 'calotes'

Samantha Oliveira
Samantha Oliveira
Publicado em 25/10/2021 às 10:24
Notícia
Reprodução/Internet
O cantor gospel André Santos - FOTO: Reprodução/Internet
Leitura:

Em São Bernardo do Campo, São Paulo, o cantor gospel André Santos foi preso na última sexta-feira, 22. O artista estava sendo investigado por aplicar golpes em grifes de luxo como Prada e Gucci.

Santos foi alvo de uma ordem de prisão emitida no dia 22 de setembro. De acordo com o Metrópoles, o prejuízo para as lojas de grife foi de R$ 300 mil no total, onde o cantor e mais dois homens adquiriam peças de roupa como ternos, camisas e cintos de grife.

De acordo com a investigação da Polícia Federal, André Santos ia até as lojas e simulava transferências na hora do pagamento. O golpe só era descoberto no dia seguinte.

Histórico criminal

O cantor André Santos já se envolveu com graves acusações anteriormente. Em 2019, ele chegou a ser condenado por fazer parte da "máfia dos concursos", em Brasília.

Na ação, ele era responsável por encontrar possíveis clientes para integrar o esquema. Nas redes sociais, o artista gospel é um sucesso, acumulando 265 mil seguidores no Instagram.

Comentários

Últimas notícias