CASO DE JUSTIÇA

Saiba quem é Mc Poze, artista que teve show cancelado após receber ameaça de traficantes

O evento "Baile do Embrasa" iria acontecer próximo sábado (30), em Salvador

Gabriela Andrade
Gabriela Andrade
Publicado em 29/10/2021 às 11:06 | Atualizado em 29/10/2021 às 13:21
Reprodução/Internet
O funkeiro MC Poze do Rodo - FOTO: Reprodução/Internet
Leitura:

Marlon Brendo Coutto Silva, artisticamente conhecido como MC Poze, vem fazendo bastante sucesso na música, mas também tem se envolvido em algumas polêmicas. Nesta quinta-feira (28), o funkeiro teve um show cancelado pelo governo de Salvador.

A Secretaria da Segurança Pública da Bahia vetou a apresentação do cantor - que aconteceria no próximo sábado (30) - pois, uma facção criminosa publicou vídeos ameaçando o músico carioca de morte.

 

"A Secretaria da Segurança Pública não permitirá a realização do evento 'Baile do Embrasa', marcado para o próximo sábado (30), no espaço de shows Alto do Andú, em Salvador. Ameaças de traficantes contra o MC Poze, uma das atrações, motivaram a decisão", diz publicação do portal O Povo, sobre o comunicado de cancelamento do show.

Ainda de acordo com o comunicado, as equipes de inteligência apuram uma possível rixa entre organizações criminosas e MC Poze, além da existência de um vídeo onde o artista aparece armado.

"Embora a competência para autorizar shows seja da Prefeitura, cabe, no entanto, ao estado garantir a segurança e prevenir para que delitos não ocorram. Nosso principal objetivo é preservar vidas", afirmou o secretário Ricardo Mandarino.

'Baile do Embrasa'

Instagram
Organização do evento se manifestou nas redes sociais - Instagram

Em seu perfil no Instagram, a organização do evento fez uma publicação com um aviso de que estava ciente da decisão do cancelamento do show. O Baile dp Embrasa também afirma que tenta resolver a situação da "melhor maneira" e pediu para o público não se preocupar, que não ficará desamparado.

Outras ameaças

Essa não é a primeira vez que MC Poze é ameaçado por membros de organizações criminosas, após anúncios de shows em outras cidades do país.

O funkeiro já precisou cancelar um show em Manaus (AM), após sofrer ameaça de morte de bandidos locais.

No ano passado, o carioca chegou a ser investigado pela polícia do Rio de Janeiro por suspeita de envolvimento com o tráfico de drogas e teve a prisão preventiva decretada após ser denunciado pelo Ministério Público local.

De acordo com o inquérito, MC Poze faria parte da maior facção criminosa do Rio. Ainda segundo a polícia, ele ainda seria responsável por incitar a violência, promover o grupo criminoso e participar de shows pagos pelo tráfico.

Siga o Social1 no Instagram, Facebook, Twitter e TikTok.

Comentários

Últimas notícias