07
fev

Jarbas Vasconcelos vira referência de Lula para possível aliança com PSB

07 / fev
Publicado por Giovanni Sandes às 11:24

Deputado federal Jarbas Vasconcelos é especulado como candidato em 2016. Foto: Acervo JC Imagem

 

Quem diria? Exatamente 20 anos após derrotar em 1998 o então governador Miguel Arraes, na época o grande líder do PSB em Pernambuco, o ex-governador e ex-senador Jarbas Vasconcelos (PMDB), hoje deputado federal, é não apenas o aliado mais fiel do governador socialista Paulo Câmara. Além de ser o nome ao Senado preferido por Paulo e o PSB, virou referência na boca do ex-presidente Lula, quando o petista explicou se o PT pode se aliar aos socialistas novamente.

Nesta terça (6), na entrevista à Rádio Jornal, Lula afirmou que o PT pode voltar a conversar com o PSB, com o senador Armando Monteiro (PTB) ou ter nome próprio. Mas focou a conversa nos socialistas não só para lembrar a relação com o falecido Eduardo Campos. Citou a histórica aliança entre e Eduardo e Jarbas em 2012. “A coisa mais impossível do mundo era você imaginar Jarbas Vasconcelos e Eduardo Campos estarem competindo eleições juntos. E eles competiram”, disse Lula.

Jarbas era rival do avô, Arraes, e depois do neto, Eduardo, e crítico mordaz de Lula. Mas isso é passado. Jarbas é aliado do PSB e evita críticas ao PT. Mais ainda, virou referência no discurso de Lula para justificar “alianças impossíveis”.


Veja também