13
jan

Onze etapas do QS estão previstas para este ano na America do Sul

13 / jan
Publicado por Alexandre Gondim às 17:36

Luel Felipe teve um ótimo 2019 e vem com todo gás para 2020. Foto: Alexandre Gondim/Blog do Surfe

Estão programados para a perna sul-americana do WSL Qualiying Series oito etapas masculinas e três femininas. Depois do Hang Loose Pro Contest em Fernando de Noronha, a próxima etapa do masculino é o Claro Open Pro – Copa Tubos com status QS 3000 nos dias 24 a 29 de março em Punta Hermosa, no Peru.

A terceira é o tradicional Rip Curl Pro Playa Grande QS 1500 de 8 a 12 de abril em Mar del Plata, na Argentina, a estreia do QS 1500 Portonave Navegantes Pro nos dias 14 a 17 em Santa Catarina e dois QS 3000 no Chile, o Héroes de Mayo Iquique Pro nos dias 18 a 24 na Playa Cavancha de Iquique e o Maui and Sons Arica Pro Tour de 26 a 31 nos tubos de El Gringo, em Arica.

Luel Felipe. Foto: Alexandre Gondim/Blog do Surfe

Depois dessas em maio, tem os dois QS 5000 previstos para fechar o calendário em outubro, em Salvador (BA) e São Sebastião (SP).

Para as meninas, a WSL Latin America ainda trabalha para tentar fazer algumas novas etapas, mas as três que definiram a campeã sul-americana de 2019 estão agendadas para serem reeditadas esse ano.

A primeira é o QS 1000 Rip Curl Pro Playa Grande, que será realizada junto com a etapa masculina, nos dias 08 a 12 de abril em Mar del Plata, na Argentina.

As outras duas são no Chile com status QS 3000, o Héroes de Mayo Iquique Pro com uma data diferente na mesma semana do masculino, 21 a 26 de maio, além do já tradicional Maui and Sons Pichilemu Pro, de 28 a 31 de outubro em Punta de Lobos.

O pernambucano Gabriel Farias no QS de Noronha. Foto: Alexandre Gondim/Blog do Surfe

No ano passado, os títulos sul-americanos foram divididos igualmente entre brasileiros e peruanos. Os principais foram conquistados pelo brasileiro João Chianca e pela peruana Daniella Rosas. O surfista de Saquarema, RJ, foi quem somou mais pontos nas cinco etapas do QS realizadas no continente em 2019.

Nas três provas femininas, Daniella Rosas se tornou a mais jovem campeã sul-americana da história da WSL Latin America, com apenas 17 anos de idade.

Na categoria Pro Junior, a catarinense Tainá Hinckel repetiu o título de 2016 por antecipação na penúltima das sete etapas de 2019, após um início fulminante com três vitórias nas quatro primeiras do ano.

Tainá Hinckel. Foto: Pedro Monteiro/Divulgação

Já o campeão da categoria masculina só foi definido na última e Raul Ríos festejou em casa mais uma conquista inédita para o seu país. O peruano acabou com a hegemonia de títulos brasileiros na categoria masculina dos surfistas com até 18 anos.

Na modalidade Longboard, a carioca Chloé Calmon também comemorou seu primeiro título sul-americano, vencendo as duas etapas do Oi Longboard Pro no Brasil.

Já no masculino, mais um feito inédito foi conseguido por outro peruano, Piccolo Clemente, que aumentou para quatro o seu próprio recorde de títulos sul-americanos no Longboard. 

Chloé Calmon. Foto: WSL

Acompanhe a atualização dos calendários e os prazos das inscrições pelo BLOG DO SURFE que estará atento aos informes da WSL Latin America e a Word Surf League. Aloha !!!!

Jadson Andre foi o segundo colocado do ranking 2019 após passar quase a temporada toda liderando. Foto: Alexandre Gondim/Blog do Surfe

CALENDÁRIO 2020 MASCULINO DA WSL LATIN AMERICA:

Fev 11-16: QS 5000 Hang Loose Pro Contest na Cacimba do Padre, Fernando de Noronha (PE)

Mar 24-29: QS 3000 Claro Open Pro – Copa Tubos na Playa Señoritas, Punta Hermosa – Peru

Abr 08-12: QS 1500 Rip Curl Pro Playa Grande em Mar del Plata – Argentina

Mai 14-17: QS 1500 Portonave Navegantes Pro em Navegantes, Santa Catarina

Mai 18-24: QS 3000 Héroes de Mayo Iquique Pro em La Punta, Iquique – Chile

Mai 26-31: QS 3000 Maui and Sons Arica Pro Tour em El Gringo, Arica – Chile

Out 20-25: QS 5000 Salvador Surf Classic na Praia de Stella Maris, Salvador – Bahia

Out 27-01: QS 5000 São Paulo Open na Praia de Maresias, São Sebastião – São Paulo

Tatiana Weston-Webb foi a quarta colocada do ano passado e ira representar o Brasil nas Olímpiadas do Japão 2020 Foto:Jackson Van Kirk/WSL

CALENDÁRIO 2020 FEMININO DA WSL LATIN AMERICA:

Abr 08-12: QS 1000 Rip Curl Pro Playa Grande em Mar del Plata – Argentina

Mai 21-26: QS 3000 Héroes de Mayo Iquique Pro em La Punta, Iquique – Chile

Out 28-31: QS 3000 Maui and sons Pichilemu Pro em Punta de Lobos, Pichilemu – Chile


Veja também