PARTIDO

Após saída de Contarato, Randolfe foi questionado se iria "apagar a luz" na Rede

Após saída do senador, partido ganha fôlego com campanha de filiação. Em evento no Recife, legenda filiou cerca de trinta candidatos para as eleições de 2022, dentre eles Tulio Gadelha

Augusto Tenório
Augusto Tenório
Publicado em 19/12/2021 às 15:54
Pedro França/Agência Senado
Randolfe apresentou requerimento durante a ordem do dia desta terça-feira (29) - FOTO: Pedro França/Agência Senado
Leitura:

Após Fabiano Contarato anunciar sua saída da Rede Sustentabilidade para filiar-se ao PT, Randolfe Rodrigues foi questionado por colega se iria "apagar a luz" após esvaziamento do partido. Quem contou a história foi o próprio senador, em evento realizado no Recife para filiar novos quadros, como Tulio Gadelha, à legenda.

Ao falar sobre como recebeu o questionamento do colega, a quem não se referiu nominalmente, Randolfe Rodrigues conta ter respondido: "não tem luz apagada quando se tem um coração em chamas".

De fato, chamou atenção no evento realizado no Recife Antigo o discurso enfático do Senador, conhecido nacionalmente após sua atuação como vice-presidente da CPI da Covid. Ao falar sobre a causa ambiental, o parlamentar chegou a disparar: "Não é defesa do meio ambiente porra nenhuma, é da própria sobrevivência humana".

Apesar da saída de Contarato, a Rede conseguiu demonstrar fôlego no Recife com a chegada de novos apoiadores. No evento desse sábado, cerca de trinta pessoas filiaram-se ao partido para disputar as eleições de 2022 em Pernambuco.

Dentre os novos nomes, destaca-se o deputado Tulio Gadelha. Infeliz no PDT, principalmente após os atritos envolvendo a candidatura a prefeito do Recife em 2020, o parlamentar escolheu a Rede após receber convites também do PT, PSOL e Pros.

Comentários

Últimas notícias