Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol do Brasil e do mundo, basquete, NFL e todos os esportes
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, futebol nacional e internacional. Basquete, NFL, Fórmula 1 e todos os esportes Com análise, interatividade e opinião

NÁUTICO

Jean Carlos, Caio Dantas e Vinícius: qual o futuro desses jogadores do Náutico? Ouça o comentário de Ralph de Carvalho

Nomes do setor ofensivo têm futuro incerto no Timbu

Carolina Fonsêca
Carolina Fonsêca
Publicado em 18/11/2021 às 19:05
ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Jean Carlos irá desfalcar o Náutico frente ao Sampaio Corrêa - FOTO: ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Leitura:

A temporada praticamente acabou e é hora de o Náutico pensar no ano que vem. Foi sobre isso, inclusive, que Ralph de Carvalho, comentarista do Escrete de Ouro da Rádio Jornal, falou nesta quinta-feira (18), no O Assunto É Futebol 2º Tempo. Com um olhar específico sobre o setor ofensivo do Timbu, Ralph destacou três peças importantes e a situação de cada uma delas para 2022: o meia Jean Carlos e os atacantes Vinícius e Caio Dantas. 

>> Após críticas, Náutico trocará fabricante dos uniformes; saiba qual a nova empresa

>> Náutico responde declarações de Hélio dos Anjos sobre categorias de base; veja

Jean é, sem dúvidas, o principal destaque do Náutico na temporada e o clube já renovou o vínculo com ele até 2024. Vinícius e Caio Dantas, porém, têm contratos apenas até o final deste ano, o que acende um sinal de alerta. Vinícius, por exemplo, é um dos nomes cobiçados por outros clube e, se tiver a oportunidade, pode trocar o Náutico por um clube da Série A. Quanto a Caio Dantas, que está lesionado e não atua mais neste ano, Ralph informou que o atleta tem propostas do exterior, enquanto o alvirrubro espera melhora na condição de saúde do jogador para iniciar uma negociação. 

Ouça o comentário de Ralph de Carvalho:

 

"É evidente que está na pauta a possibilidade de o Náutico perder alguns jogadores. O Vinícius, desde o princípio, quando clubes da Série A vieram atrás dele, se imaginava que seria difícil o Náutico segurar, porque afinal de contas significa time de poder aquisitivo maior. Depois tem jogador que adora jogar na primeira divisão, só joga na segunda se não tiver uma chance na primeira. Não sei se é o caso de Vinícius, mas é um que está ali numa situação de esperar para ver. Outro jogador que o Náutico pode até nem ficar, é o Caio Dantas porque tem propostas, inclusive, do exterior para e o jogador, no momento, está sem renovar contrato com o Náutico porque o próprio executivo de futebol disse que pode deixar para depois porque ele está no Departamento Médico. Isso é uma coisa que pode fazer o Náutico perder um jogador absolutamente importante", detalhou Ralp de Carvalho. 

Veja mais sobre o futebol pernambucano no Blog do Torcedor no Ar

Sobre Jean Carlos, o comentarista do Escrete de Ouro apontou que o Náutico pode "ganhar" mesmo se "perder" o meia. "Se o Náutico "perder" Jean Carlos, estará ganhando muito dinheiro para fazer um time. Porque o que aconteceu, que a gente sabe até agora, é que um time do Irã teria oferecido R$ 1,4 milhão ao Clube Náutico Capibaribe por um empréstimo de Jean Carlos. O Náutico rejeitou. Agora o Náutico deixou transparecer que a multa contratual para tirar Jean Carlos dos Aflitos é de R$ 19 milhões. É uma venda extraordinariamente boa, se alguém quiser pagar essa multa. Mas isso é para chamar para uma negociação. Nesta hipótese, o Náutico só libera o jogador, que tem contrato até 2024, se quiser. Então, o Náutico não vai perder o Jean Carlos, é diferente de Vinícius ou de Caio Dantas, se o Náutico não conseguir segurar. Com Jean Carlos, o Náutico não perde, troca por dinheiro, é diferente de perder", disse. 


VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O NÁUTICO

Comentários

Últimas notícias