SECRETARIA DE DEFESA SOCIAL

Eventos e agremiações já podem solicitar reforço na segurança para o Carnaval 2020

O envio dos formulários vai até 31 de janeiro e deve ser feito 15 dias antes dos eventos

Amanda Azevedo
Amanda Azevedo
Publicado em 10/12/2019 às 21:55
Notícia
Foto: JC
O envio dos formulários vai até 31 de janeiro e deve ser feito 15 dias antes dos eventos - FOTO: Foto: JC
Leitura:

Quem deseja colocar nas ruas um bloco ou agremiação no período pré, durante ou após o Carnaval, deve ficar atento aos prazos. A Secretaria de Defesa Social (SDS) anunciou nesta terça-feira (10) que o policiamento já pode ser solicitado junto ao órgão através da internet. O envio dos formulários vai até 31 de janeiro e deve ser feito 15 dias antes dos eventos.

Serão analisados pedidos referentes a eventos realizados no período pré-carnavalesco, que vai de 4 de janeiro a 20 de fevereiro; no Carnaval, de 21 1 26 de fevereiro; e na etapa Pós-Carnaval, de 27 de fevereiro a oito de março. Antes dos dias de Momo, o reforço de segurança poderá ser oferecido no horário das 10h às 0h. Durante a festa, o reforço acontece das 8h às 2h e após a folia, de 10h às 0h.

Cadastro no site da SDS

Os responsáveis pelos eventos devem acessar o formulário no site da SDS (www.sds.pe.gov.br) e criar um cadastro. É necessário fornecer informações sobre o evento, como percurso, público esperado, data e horário. Com a nova metodologia (antes era necessário o envio do e-mail), não é cobrado o envio de documentos pessoais em anexo.

“Estamos nos antecipando e abrindo as solicitações em dezembro, para que o reforço já passe a atuar nos primeiros dias do período pré-Carnaval”, afirmou Humberto Freire, secretário-executivo de Defesa Social. “Também inovamos com um processo totalmente digital. Não há mais necessidade de envio de documentos ou de e-mail”, reforçou.

Todas as solicitações serão analisadas pelo Grupo de Trabalho do Carnaval da SDS, formado por representantes da pasta, das Polícias Militar, Civil e Científica, além do Corpo de Bombeiros e do Centro Integrado de Operações de Defesa Social (Ciods). Serão considerados fatores como ordem cronológica do pedido, histórico do evento, concentração de público e localização do evento. As vistorias dos bombeiros acontecerão 24 horas antes dos desfiles.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias