Brega

Priscila Senna, a Musa, quer conquistar o Brasil

Cantora comemora 10 anos à frente da banda que estourou o hit 'Novo Namorado' e sonha com sucesso a nível nacional

Robson Gomes
Robson Gomes
Publicado em 21/01/2019 às 5:00
Foto: Divulgação
Cantora comemora 10 anos à frente da banda que estourou o hit 'Novo Namorado' e sonha com sucesso a nível nacional - FOTO: Foto: Divulgação
Leitura:

O ano de 2019 começa especial para a cantora Priscila Senna, a vocalista e líder da Banda Musa. Além de lançar um DVD no fim do ano passado em comemoração aos dez anos do conjunto que lhe deu o sucesso na cena brega, a artista ainda liberou um CD de verão no dia 11 de janeiro nas plataformas digitais trazendo um repertório eclético, com destaque para Labirinto – um versão do hit Shallow, de Lady Gaga e Bradley Cooper, do recente filme arrasa-quarteirão Nasce uma Estrela, assinado pelo hitmaker do gênero Elvis Pires.

A empolgação com os novos projetos é a mesma desde o início da carreira, quando Priscila da Silva Sena ainda era criança, com seus dez, onze anos. “Sempre quis ser cantora, desde criança mesmo. Minha mãe me acompanhava, mas eu não aparentava ter a minha idade por causa da minha altura. Era muito grandona”, relembra a cantora, em entrevista ao Jornal do Commercio.

A sorte de Priscila começou a mudar quando seu tio, que também gostava de cantar com ela em casa, a chamou para ser backing vocal da banda Sensação do Brega, onde ele dançava. De voz de apoio, passou a cantora titular e nunca mais largou os palcos. Com o passar do tempo, chegou à Mistura do Calypso – o primeiro nome da banda Musa – quando estourou de vez com o sucesso Novo Namorado.

“Eu sempre soube, graças a Deus, que as nossas músicas tinham muita força. Desde Novo Namorado, Mais Que Amizade, Sorte... Sempre tivemos um repertório autoral muito bom. E todo o show tem que ter essas, senão os fãs matam a gente”, brinca Priscila.

EXPANSÃO

Uma década depois de ganhar o público com uma voz marcante, simpatia e atitude no palco, Priscila Senna & Banda Musa agora quer expandir o trabalho além de Pernambuco. O primeiro passo foi dado com o DVD Ao Vivo em Igarassu, lançado em dezembro, focando no ritmo do arrocha.

“Esse DVD ficou muito incrível! Antes eu tinha meio que um bloqueio para gravar arrocha, porque achava que ia sair das minhas origens. Mas ao mesmo tempo, sou uma pessoa que tenho a cabeça muito aberta. E esse material novo, dentro do universo do arrocha, já foi pensando nessa expansão da banda fora do Estado”, explica.

Com 28 anos de idade e completando dez de sucesso com a Banda Musa, Priscila Senna quer seguir fazendo a única coisa que aprendeu profissionalmente na vida: cantar, emocionar o público e seguir levando o brega em todos os lugares. “Tenho um sonho de ficar conhecida em todo o Brasil. [...] Mas um sonho maior é gravar um DVD no Marco Zero. E se Deus quiser, pode até acontecer agora em 2019, quem sabe”, joga a eterna Musa para o Universo.

Últimas notícias