série a1

Falta pouco para o ponta pé inicial do Campeonato Pernambucano

Clubes ainda montam elencos para disputa do estadual; veteranos são destaque

Matheus Cunha
Matheus Cunha
Publicado em 18/12/2016 às 9:28
Divulgação/Central
Clubes ainda montam elencos para disputa do estadual; veteranos são destaque - FOTO: Divulgação/Central
Leitura:

Faltando exatamente 17 dias para o início do primeiro turno da Série A1 do Campeonato Pernambucano, os times do interior ainda estão montando os seus elencos visando a disputa da competição. A maioria já apresentou alguns jogadores e comissão técnica, dando início à pré-temporada. Um dos clubes mais tradicionais de Pernambuco, o Central vem treinando nas cidades de Sairé e Cupira, no Agreste. Já o Salgueiro deve fazer toda a sua preparação para a Série A1 no Cornélio de Barros, em Salgueiro. O Carcará manteve a base que disputou a Série C deste ano, enquanto a Patativa reformulou todo o time que disputou a Série D em 2016.

Serão ao todo nove times intermediários, divididos em três grupos com três times cada. Porto e Pesqueira, que caíram em 2016, dão lugar a Afogados e Flamengo de Arcoverde, que subiram. Os três primeiros colocados gerais avançam para o segundo turno, que terá a participação de Náutico, Santa Cruz e Sport. 

Quem comandará o Central no pernambucano será Laelson Lima, técnico alagoano e que já rodou por vários clubes do interior de Pernambuco, como Porto, Vitória e Altinho. O treinador irá se dividir entre a coordenação da base e o comando do time principal. O clube contratou nomes conhecidos do futebol pernambucano. O meia Ailton e o volante Everton (ex-Sport, Náutico e Santa), além do zagueiro Marlon e do atacante Anderson Lessa (também ex-Timbu) farão parte do time em 2017. O primeiro amistoso da equipe está marcado para este domingo (18/12), contra o Campinense, às 16h (do Recife), no estádio Lacerdão, em Caruaru. 

“A primeira fase é uma obrigação para o Central. Precisamos avançar e conseguir a vaga na Série D de 2018, porque a de 2017 nós já temos. Depois vamos em busca das semifinais. Buscar uma vaga na Copa do Brasil e na Copa do Nordeste. Se nos sairmos bem, vamos em busca do título”, disse Laelson. 

O Salgueiro segue o caminho inverso do Central. O clube sertanejo não pretende contratar nenhum atleta para o pernambucano e manterá a base do time que disputou a Série C desse ano. A maioria dos jogadores contratados em 2016 fecharam acordo até maio do ano que vem, o que facilitou a medida. Permanecem no time jogadores veteranos como o lateral-direito Marcos Tamandaré (ex-Sport e Santa Cruz), o goleiro Luciano e o volante Rodolfo Potiguar. O baiano Evandro Guimarães vai permanecer no comando técnico da equipe.

“Quando você dá sequência ao treinador e aos jogadores, a equipe passa a atuar de uma maneira mais compacta. Nós já temos uma equipe formada, os contratos vão até maio. Só iremos contratar algum jogador em casos excepcionais”, afirmou Carlos José, diretor de futebol do Carcará. 

CENTRAL FOLGA NA PRIMEIRA RODADA

Por ter nove times, uma equipe folgará por rodada nessa primeira fase. O Salgueiro faz o jogo de estreia, contra o Serra Talhada, às 20h, no Cornélio de Barros. Já o Central começa a disputa na segunda rodada, dia 8, contra o América, às 16h, no Ademir Cunha. Ambos horários são do Recife. 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias