PERNAMBUCANO 2020

Sertanejos querem complicar vida dos grandes da capital

Afogados, Salgueiro e Petrolina desejam fazer boa campanha no Estadual

JC Online
JC Online
Publicado em 16/12/2019 às 10:40
Notícia
Alexandre Gobdim/JC Imagem
Afogados, Salgueiro e Petrolina desejam fazer boa campanha no Estadual - FOTO: Alexandre Gobdim/JC Imagem
Leitura:

Com tradição de roubarem muitos pontos dos grandes da capital e até eliminá-los em fases decisivas, os times sertanejos querem manter essa sina da edição 2020 do Campeonato Pernambucano. Terceiro colocado no certame de 2019 – tirou o Santa Cruz nas quartas de final –, o Afogados está empolgado para repetir a boa campanha. Vale ressaltar que o time vai disputar também a Copa do Brasil. O adversário na 1ª fase será o Atlético-AC.

Mesmo com a maior visibilidade, o diretor de futebol do Afogados, Ênio Amorim, ainda espera mais apoio de patrocinadores. “Melhorou, mas ainda não é o que a gente precisava. O empresariado local ainda é muito tímido. Na nossa camisa só a prefeitura tem a marca estampada, na camisa e no uniforme. Mas temos outros patrocinadoes de permuta. Em dinheiro, só a prefeitura”, destacou o diretor do Afogados.

Após subir com o Retrô para a Série A1, o técnico Pedro Manta está de volta ao clube. Também retornam o atacante Diego Ceará (artilheiro do Pernambucano 2019), além de Elvis, Candinho, Douglas Márcio e Maheus Sacramento. O zagueiro Everton (ex-Sergipe), Diego Teles (ex- Central) e Willian Gaúcho (ex-Náutico), são algumas novidades da Coruja Sertaneja. “Na minha avaliação, no papel, o elenco (2020) é muito melhor do que no ano passado (2019, na verdade). Mas no papel é uma coisa. Tem que colocar em campo”, destacou Ênio.

SALGUEIRO

Vice-campeão em 2015 e 2017 – perdeu na decisão para Santa Cruz e Sport, respectivamente –, o Salgueiro sonha em voltar a ter grande destaque no Pernambucano. No entanto, assim como em 2019, o investimento vao ser menos do que já foi em outros tempos. O elenco se apresentou no último dia 10, faltando apenas dois jogadores se apresentarem hoje ao técnico Daniel Neri.

“Estamos correndo atrás de patrocínios e algumas coisas para intensificar mais no Pernambucano, que dá vaga na Copa do Brasil e na Série D”, afirmou o presidente do Carcará, Zé Guilherme, acrescentando que o clube pretende terminar o campeonato entre os quatro melhores outra vez.

O Salgueiro conseguiu manter uma base, com destaque para o zagueiro Ranieri, o lateral-esquerdo Daniel, além de Bruno Sena, Tharcisio, Renato, Willian Anicete e Thomas Anderson.

PETROLINA

Também sonhando em fazer uma boa campanha para ter uma projeção nacional, o Petrolina já trabalha há 15 dias sob comando do técnico Higor Cesar (ex-Globo-RN). Os destaques são o goleiro Tigre (ex-Juazeirense) e 0 atacante James Dean (ex-Sport).

Últimas notícias