Jefferson

Com bom retrospecto, Náutico se prepara para enfrentar mais um líder na Série C

Pela 16ª rodada da Série C, o Timbu recebe o Sampaio Corrêa na próxima segunda-feira, nos Aflitos

Fernando Castro
Fernando Castro
Publicado em 09/08/2019 às 7:47
Notícia
Léo Lemos/Náutico
Pela 16ª rodada da Série C, o Timbu recebe o Sampaio Corrêa na próxima segunda-feira, nos Aflitos - FOTO: Léo Lemos/Náutico
Leitura:

Nas últimas quatro rodadas da Série C, o Náutico enfrentou duas vezes adversários que lideravam o Grupo A. O fato vai se repetir mais uma vez na próxima segunda-feira, nos Aflitos, quando o time alvirrubro recebe o Sampaio Corrêa, primeiro time a se classificar matematicamente para as quartas de final. Para o jogo decisivo, o Timbu se apega ao bom retrospecto. Antes, venceu o Ferroviário e Confiança, equipes que também estavam na ponta do campeonato.

"O que a gente tira de lição é a concentração que tivemos nesses jogos, o empenho, a obediência tática que o professor pediu. Seguimos à risca a estratégia e deu certo. Sabemos que vamos encontrar muita dificuldade diante do Sampaio. Fizemos um jogo na casa deles e vencemos, porque a equipe estava muito focada, estava todo mundo muito concentrado e não vai ser diferente nesse jogo", comentou o goleiro Jefferson.

O goleiro alvirrubro prevê dificuldades para enfrentar o Sampaio Corrêa. Para conquistar mais uma vitória nos Aflitos, o jogador relevou que o Náutico precisa ter concentração no jogo, assim como nos jogos em que obteve sucesso contra os líderes. "Nós temos que manter essa concentração e esse foco e seguir a estratégia. A gente sabe que se sair um pouco desse caminho, as coisas se complicam. Mas sabemos que vai ser um jogo difícil contra o líder, eles estão já classificados e não vai ser um jogo fácil", destacou.

MATEMÁTICA

O jogo contra o Sampaio Corrêa é decisivo para as pretensões do Náutico na Série C. Com o tropeço da última rodada, o Timbu precisa vencer o time maranhense para encaminhar a classificação às quartas de final. Assim como o técnico Gilmar Dal Pozzo, o goleiro alvirrubro acredita que com 28 pontos a equipe garante a classificação. Dessa maneira, para se assegurar no G-4, o Náutico precisa de mais quatro pontos.

"A gente vive jogo a jogo. Claro que respeitamos a equipe do Sampaio, mas vamos procurar ir forte para conseguir essa vitória que, para a gente, vai ser muito importante. Acho que com os 28 (pontos) crava de vez. E vamos pensando jogo a jogo, faltam três decisões e a gente tem totais condições de conseguir. Mas vamos pensar primeiramente no Sampaio, na vitória, e depois nesse pontinho que vai faltar", declarou.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias