Alvirrubro

Atacante do Náutico espera manter bom retrospecto contra o Sport

Erick tem boas lembranças em disputas do Clássico dos Clássicos

klisman
klisman
Publicado em 14/01/2020 às 14:49
Notícia
Foto: Brenda Alcântara/JC Imagem
Erick tem boas lembranças em disputas do Clássico dos Clássicos - FOTO: Foto: Brenda Alcântara/JC Imagem
Leitura:

Em uma pré-temporada marcada por vários retornos para o Náutico, como o do zagueiro Ronaldo Alves e dos atacantes Kieza e Erick, o torcedor já poderá ter de volta a sensação de ver esses destaques atuando pelo Alvirrubro no próximo domingo, diante do Sport, às 16h, no estádio dos Aflitos. Dentre os três, o último é quem mais tem possibilidades de entrar em campo. 

O ponta-direita tem bom retrospecto em duelos contra o Rubro-negro. Pelo Náutico, em quatro confrontos contra o rival, marcou dois gols. Pelo Vitória, em 2018, balançou a rede uma vez em dois duelos. A intenção de Erick é seguir com um bom retrospecto diante do Leão e ajudar o Timbu a começar a temporada já com os três pontos. 

"Clássico para mim é um jogo diferente, é pelo Campeonato Pernambucano, mas para mim é um outro campeonato. Vamos fazer uma boa semana, trabalhar muito e, se Deus quiser, vamos sair com a vitória. É um clássico, é o jogo que eu mais gosto de jogar, me motiva mais ainda, mas vamos focar no nosso trabalho, deixar o Sport de lado, trabalhar durante a semana que tenho certeza que domingo vamos fazer um grande jogo”, comentou.

Os dois jogos em que Erick fez gol contra o Sport foram válidos pelo hexagonal final do Campeonato Pernambucano de 2017. Na vitória por 2 a 1  nos Aflitos e no empate em 1 a 1 na Ilha do Retiro. Pelo Vitória, aconteceu na disputa da Série A, em jogo no Barradão. O triunfo do Rubro-negro baiano veio no placar de 1 a 0, graças ao atacante.

ESTREANDO EM CASA

Oficialmente, como profissional, esta será a estreia de Erick nos Aflitos. Quando subiu para o profissional, em 2017, o Náutico ainda mandava suas partidas na Arena de Pernambuco, em São Lourenço da Mata. O retorno aconteceu a partir da temporada passada e, agora, ele terá a chance na antiga e verdadeira casa alvirrubra.

"Eu só joguei nos Aflitos no tempo da base, quando o Náutico tinha ido para a Arena. Voltei a jogar lá na reabertura do estádio, na despedida do Kuki, fiquei muito feliz em reencontrar a torcida e espero que domingo o torcedor compareça, nos apoie, e que o estádio esteja lotado”, concluiu Erick.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias