Copa do Brasil

Náutico controla bem o jogo, vence o Toledo-PR e avança na Copa do Brasil

Meia Jean Carlos e o atacante Matheus Carvalho marcaram os gols do Náutico

Fernando Castro Fernando Castro
Fernando Castro
Fernando Castro
Publicado em 12/02/2020 às 23:21
Caio Falcão/CNC
Meia Jean Carlos e o atacante Matheus Carvalho marcaram os gols do Náutico - FOTO: Caio Falcão/CNC
Leitura:

Sem grandes dificuldades, o Náutico soube controlar bem o jogo, venceu o Toledo-PR por 2x0, nesta quarta-feira, no estádio 14 de Dezembro, e avançou para a segunda fase da Copa do Brasil. Os gols do Timbu foram marcados no segundo tempo, o meia Jean Carlos abriu o placar de pênalti e o atacante Matheus Carvalho ampliou. Classificado, a equipe pernambucana fatura R$ 650 mil e vai enfrentar o Botafogo na segunda fase.

Na segunda fase da Copa do Brasil, Náutico e Botafogo se enfrentam no estádio dos Aflitos, sem vantagem de empate para nenhum time. Assim, em caso de igualdade no placar, a classificação será decidida nos pênaltis. Depois de vencer o Toledo-PR, o Timbu recebe o Sport em casa, no próximo sábado (15), pela quarta rodada da Copa do Nordeste.

> Confira o lance a lance da classificação do Náutico na Copa do Brasil

O JOGO

Com a vantagem do empate para se classificar, o Náutico começou o jogo apostando na bola parada, arma que tem sido eficaz neste início de temporada. Logo aos três minutos, após cobrança de falta do meia Jean Carlos, que tem se destacado com assistências, o zagueiro Diego Silva subiu mais alto do que a zaga do Toledo-PR e cabeceou perto do gol. Com mais posse de bola nos primeiros minutos de jogo, o Timbu controlava bem a partida e não sofria sustos na defesa.

Mesmo precisando da vitória para buscar a classificação, o Toledo-PR investia pouco no ataque e praticamente não criou oportunidades de gol durante o primeiro tempo. Com Salatiel no comando do ataque, surpresa entre os titulares na vaga do paraguaio Guillermo Paiva, o Náutico apostou em bolas aéreas durante alguns momentos da etapa, mas não conseguia ter sucesso. Buscando mais o jogo, o meia Jean Carlos e o atacante Erick eram as principais peças ofensivas do time alvirrubro.

O Náutico voltou para o segundo tempo da mesma maneira que terminou a primeira etapa, controlando bem o jogo. Acionado no lugar de Salatiel, Guillermo Paiva acertou a trave com poucos minutos em campo, após cobrança de escanteio. Aos 14 minutos, pela esquerda do ataque, o lateral Bryan invadiu a área do Toledo-PR e sofreu pênalti. Na cobrança, o meia Jean Carlos chamou a responsabilidade e, com categoria, deslocou o goleiro Diego para abrir o placar do jogo. 

Na frente do placar, o Náutico ditava o ritmo de jogo. Com a segurança do sistema defensivo, o goleiro Jefferson trabalhava pouco. Melhor jogador em campo, o Meia Jean Carlos novamente teve participação direta no ataque alvirrubro. Aos 24 minutos, o 'camisa 10' alvirrubro finalizou de fora da área e o goleiro Diego espalmou. No rebote, o atacante Matheus Carvalho só teve o trabalho de finalizar para o gol, ampliando o placar para o Timbu.

FICHA DO JOGO

Toledo-PR: Diego; Eduardinho (Marcus), Eduardo Luiz (Christian), Tomazzi e Elson; Mineiro, Jhonatan, Juninho e Gustavo; Junior Cezar (David) e Lucas Vieira. Técnico: Zé Maria. 

Náutico: Jefferson; Bryan, Diego Silva, Ronaldo Alves, Diego Silva e William Simões (Erick Daltro); Luanderson, Rhaldney e Jean Carlos; Matheus Carvalho (Jhonnatan), Erick e Salatiel (Guillermo Paiva). Técnico: Gilmar Dal Pozzo.

Local: estádio 14 de Dezembro, em Toledo (PR). Árbitro: Rodrigo da Fonseca Silva (MT) Auxiliares: Marcelo Grando e Gislan Antonio Garcia da Silva (ambos do Mato Grosso). Gols: Jean Carlos aos 14' e Matheus Carvalho aos 23' do 2ºT. Cartões amarelos: Elson, Eduardinho, Lucas Vieira (Toledo-PR); Salatiel, Bryan, Wilian Simões (Náutico).

Últimas notícias