Arruda

União entre time e torcida pelo acesso do Santa Cruz

Santa Cruz enfrenta o Operário-PR pelas quartas de final da Série C do Campeonato Brasileiro

Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 19/08/2018 às 7:03
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Santa Cruz enfrenta o Operário-PR pelas quartas de final da Série C do Campeonato Brasileiro - FOTO: Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Leitura:

O jogo do ano. Esse é o modo como o Santa Cruz está tratando o primeiro duelo contra o Operário-PR, pelas quartas de final da Série C do Campeonato Brasileiro, hoje, às 17h, no estádio do Arruda. Sem o gol qualificado (fora de casa) como critério de desempate, a Cobra Coral está ciente da necessidade de conquistar uma vitória para decidir com a vantagem, fora de casa, o acesso à Segunda Divisão.

Pela frente, o Operário, que foi o segundo colocado na outra chave e manteve uma campanha regular, brigando pela liderança da chave com o Botafogo-SP na fase de grupos. A base da equipe paranaense é a mesma que conquistou o título da Quarta Divisão no ano passado. O planejamento do clube é disputar o Brasileirão em um curto espaço de tempo.

“Com todo respeito, se for falar dos clubes Santa Cruz e Operário, comparando os dois, é evidente o peso maior que temos que segurar. Mas não quer dizer que temos um melhor time ou condição de trabalho. Sabemos disso e dentro de campo vamos buscar fazer o nosso jogo do ano”, afirmou o técnico Roberto Fernandes.

O comandante tricolor não deve realizar mudanças no time considerado titular do Santa Cruz. No começo da semana, ele sinalizou uma dúvida entre Charles e Carlinhos Paraíba, mas o camisa 12 deve ficar com a vaga. O zagueiro Danny Morais, o volante William Maranhão e o meia Arthur Rezende voltam de suspensão pelo terceiro cartão amarelo. Sandoval, Paraíba e Robinho estão à disposição depois de serem poupados pelo departamento médico do último jogo contra o Salgueiro.

“Não acredito que nenhuma equipe vai mudar radicalmente nesse mata-mata. O Operário fez um bom campeonato e vai manter o estilo do jogo. Sim, fará pequenos ajustes de acordo com o adversário e pressão do campo. Sabe jogar muito bem fora de casa e tem seis jogadores titulares acima de 30 anos. Com certeza não vai cair em pressão”, comentou o treinador.

PENDURADOS

Do time titular, apenas o meia Jailson está pendurado com dois cartões amarelos. Já entre os reservas estão na mesma situação o goleiro Tiago Machowski, os zagueiros Augusto Silva e Eduardo Brito, e o meia Geovani. O atacante Augusto cumpre suspensão pela expulsão diante do Carcará.

FICHA DO JOGO - SANTA CRUZ X OPERÁRIO-PR

Santa Cruz - Ricardo Ernesto; Vítor, Danny Morais, Sandoval e Allan Vieira; William Maranhão, Carlinhos Paraíba e Arthur Rezende; Jailson, Robinho e Pipico. Técnico: Roberto Fernandes. Esquema: 4-3-3.

Operário-PR - Simão; Léo, Alisson, Souza e Peixoto; Chicão, Indío, Robinho ou Xuxa e Clayton; Bruno Batata e Lucas Batatinha. Técnico: Gérson Gusmão. Esquema: 4-4-2.

Local: estádio do Arruda, Recife-PE. Horário: 17h. Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhaes (RJ). Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (ambos do RJ). Ingressos: R$ 15 a R$ 40.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias