Rubro-negro

Sport explica situação após mandado de penhora de refletores da Ilha

Rubro-negro retirou os refletores para manutenção e garante que tudo estará normal para o primeiro jogo em casa na Série B

Klisman Gama
Klisman Gama
Publicado em 02/07/2019 às 13:52
Notícia
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Rubro-negro retirou os refletores para manutenção e garante que tudo estará normal para o primeiro jogo em casa na Série B - FOTO: Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Leitura:

Após a notícia do mandado de penhora dos refletores da Ilha do Retiro ter sido divulgada na noite da segunda-feira (1),  o Sport se pronunciou na manhã desta terça sobre o ocorrido. Em nota, o Leão explicou que a retirada deles para reforma aconteceu como planejado, e não por influência da notificação da Justiça.

Confira a nota divulgada pelo Rubro-negro:

Esclarecimento sobre os refletores da Ilha:

Informamos que parte dos refletores do estádio Adelmar da Costa Carvalho foi retirada para manutenção/reforma, como é de praxe em períodos de recesso do estádio. O prazo para que os refletores sejam recolocados é no dia 20 de julho (o próximo jogo na Ilha será dia 22).

De fato, os refletores foram envolvidos em uma ação de determinação de penhora, que já está sendo devidamente conduzida pelo departamento jurídico. Ademais, o Clube garante que a Ilha do Retiro estará em perfeitas condições para receber os jogos do Campeonato Brasileiro, com seu patrimônio devidamente reformado.

O CASO

O processo foi movido por um ex-funcionário do Sport e vem se arrastando desde 2015,  em que o reclamante alega não ter recebido o valor correto da sua rescisão contratual com o clube. De lá para cá, o Leão tem recorrido à sentença. Na acusação, o Sport deveria comprovar o recolhimento de "contribuições previdenciárias relativas a ambas as partes". Além dos valores devidos ao então funcionário, outras parcelas de natureza salarial integravam a decisão, como adicional de insalubridade e horas extras. Também pedia o pagamento dos honorários periciais e custas.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias