pernambucano 2020

Diretor do Sport diz que árbitro do clássico 'amarelou o tempo todo'

Diretor de futebol do Sport Nelo Campos fez questão de falar sobre o nervosismo do árbitro Michelangelo Almeida Júnior, que apitou seu primeiro clássico no Estadual

JC Online
JC Online
Publicado em 19/01/2020 às 21:45
 Léo Lemos/Divulgação Náutico
A mudança mais importante é com relação à regra da mão na bola - FOTO: Léo Lemos/Divulgação Náutico
Leitura:

O diretor de futebol do Sport Nelo Campos criticou a atuação da arbitragem do primeiro clássico de 2020 entre Náutico e Sport. Timbu e Leão empataram por 1x1, neste domingo, em partida realizada nos Aflitos, pelo Campeonato Pernambucano. O dirigente reclamou especialmente do árbitro Michelangelo Almeida Júnior, que apitou pela primeira vez um clássico no Estadual. Nelo falou que o Sport é a favor da renovação do quadro de arbitragem local, mas que o clube não tolera os erros contra o time rubro-negro."A gente não gosta de criticar, mas depois não reclamem quando o Sport pede arbitragem de fora", alertou.

AS CRÍTICAS

"Claro que a gente quer falar da arbitragem. Ficou bem claro para o público pernambucano. Todo incentivo foi dado para o árbitro novo durante a semana. Infelizmente a gente viu o que viu dentro de campo. Um árbitro totalmente caseiro, dando falta na entrada da área o tempo todo, pendurando nosso time. E os lances capitais ele não viu. Como ele não viu? Lance claro, pênalti claro. O impedimento que marcou no gol. Como ele viu se nem a televisão vê? Sandro Meira Ricci já disse que não tinha impedimento. O erro é só contra a gente? Depois o público pernambucano preste atenção, especialmente a torcida do Sport, porque a diretoria do Sport não aceita arbitragem local. Tem que entender porque só erra contra a gente. Tem que prestar atenção. A Federação tem o apoio da gente para fazer a renovação, mas não pode colocar um árbitro que não tem condições de apitar um clássico. Ficou claro. Ele amarelou o tempo todo. Ele deu falta o tempo todo. Nervoso.  Se vocês pegarem três minutos de jogo ele estava saltitando de nervoso. Se vocês vissem a mão dele vocês prestavam atenção.  A gente dá o apoio. Mas coloquem pessoas qualificadas para apitar o jogo. A gente não gosta de reclamar, mas depois entendam quando o Sport pedir arbitragem de fora", falou.

Últimas notícias