CORONAVÍRUS

Secretaria de Saúde de Minas confirma primeira suspeita de Coronavírus no Brasil

Paciente é uma mulher de 35 anos que esteve na China e desembarcou no Brasil em 18 de janeiro

Carolina Fonsêca
Carolina Fonsêca
Publicado em 22/01/2020 às 15:44
Notícia
Foto: Pixabay
Paciente é uma mulher de 35 anos que esteve na China e desembarcou no Brasil em 18 de janeiro - Foto: Pixabay
Leitura:

A Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig) está investigando o primeiro caso suspeito de coronavírus no Brasil. A suspeita foi confirmada pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), nesta quarta-feira (22).

A paciente é uma mulher brasileira de 35 anos que esteve na China, em Shangai, e desembarcou em Belo Horizonte no dia 18 de janeiro, com sintomas compatíveis com doença respiratória viral aguda. Ela está clinicamente estável e o caso, identificado na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Centro Sul de Belo Horizonte, na última terça-feira (21), segue em investigação.

Leia mais: Veja o que se sabe sobre o coronavírus que já matou 17 pessoas

Leia mais: Brasil aguarda definição da OMS sobre coronavírus

Em nota, a SES-MG afirmou que o caso foi notificado como suspeito. "Tendo em vista o contexto epidemiológico atual do país onde a paciente esteve, foi considerada a hipótese de doença causada pelo novo Coronavírus, que é microorganismo de alerta sanitário internacional, considerando o potencial pandêmico com alto risco à vida e impacto assistencial". 

O órgão também informou que apesar de não apresentar qualquer sinal indicativo de gravidade clínica, a paciente foi conduzida rapidamente para o Hospital Eduardo Menezes (HEM) para observação em ambiente hospitalar. 

"O HEM foi prontamente acionado pelo CIEVS-MG e CIEVS-BH e se organizou em poucos minutos para receber a paciente. Todas as medidas assistenciais para redução de risco de transmissão foram tomadas", acrescentou a SES-MG em nota.

A paciente relatou que não esteve na região de Wunhan e que também não teve contato com pessoa sintomática durante sua passagem pelo país asiático. Os exames capazes de confirmar ou descartar a hipótese diagnóstica encontram-se em andamento em laboratórios de referência.

Coronavírus

Os coronavírus (CoV) são uma grande família viral, conhecidos desde meados dos anos 1960, que causam infecções respiratórias em seres humanos e em animais. Geralmente, infecções por coronavírus causam doenças respiratórias leves a moderadas, semelhantes a um resfriado comum. A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem.

Segundo informações divulgadas pelo Centro de Controle de Doenças Americano - CDC e Organização Mundial da Saúde – WHO, as autoridades chinesas relataram que um novo coronavírus (nCoV) foi identificado no país. Atualmente, mais de 400 casos foram confirmados na China.

No dia 21 de janeiro de 2020 foi identificado o primeiro caso nos EUA. Também já foram identificados casos em outros países (Japão, Tailândia, Coreia do Sul), todos os casos identificados foram de pessoas que estiveram na região de transmissão. 

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias