CÂMARA

Maia reabre sessão para votar destaques da reforma da Previdência

O plenário ainda não alcançou o quórum considerado ''seguro'' pelo governo para manter a salvo o texto

Rute Arruda
Rute Arruda
Publicado em 11/07/2019 às 17:45
Notícia
Foto: Will Shutter/ Câmara dos Deputados
O plenário ainda não alcançou o quórum considerado ''seguro'' pelo governo para manter a salvo o texto - Foto: Will Shutter/ Câmara dos Deputados
Leitura:

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), reabriu na tarde desta quinta-feira (11) a sessão do plenário da Casa para a votação dos destaques ao texto-base da reforma da Previdência, aprovado nessa quarta-feira (10).

O plenário, no entanto, segue sem alcançar o quórum considerado "seguro" pelo governo para manter a salvo o texto.

Maia tem trabalhado com um quórum de 490 deputados para iniciar votações nas quais o governo precisará de 308 votos para evitar que um destaque desfigure o texto principal.

Reabertura

No momento da reabertura da sessão, havia 468 parlamentares na Câmara e 447 deles tinham marcado presença no plenário. Mais cedo, ao chegar à Câmara, Maia disse estar seguro de que teria mais de 500 deputados na sessão desta quinta-feira (11). Nessa quarta, o texto-base da reforma foi aprovado por 379 votos a 131.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias